Relembre sete craques que nunca jogaram uma Copa do Mundo

A Copa do Mundo reúne jogadores de todo o planeta em busca do título. Mas nem todos os craques chegaram a jogar a competição. Seja por contusão, opção técnica ou indisciplina, alguns dos atletas mais qualificados acabaram de fora do maior torneio de futebol do mundo.

Romário, Neymar, Ganso, Renato Gaúcho: relembre ausências polêmicas e debates que marcaram convocações para Copas

Análise: Tite colhe frutos do ciclo de trabalho, justifica Dani Alves, mas não escapa de debate

Veja a lista abaixo com consagrados jogadores brasileiros que jamais participaram de uma Copa do Mundo. Confira:

Alex

O craque foi ídolo com as camisas do Palmeiras, Cruzeiro e Fenerbahçe (TUR). No clube paulista, o meio-campista foi treinado pelo técnico Luiz Felipe Scolari. Mesmo sendo destaque do time de Felipão, Alex acabou de fora da seleção que acabou campeã do mundo em 2002.

Djalminha

Formado no Flamengo mas consagrado no Palmeiras, Djalminha esteve perto de jogar a Copa do Mundo de 2002. O meia estava entre os mais cotados para a convocação, mas teve um desentendimento com o treinador do La Coruña (ESP), seu time na época, e deu uma cabeçada no treinador Javier Irureta. A agressão fez com que Felipão o deixasse de fora da lista de convocados.

Evair

Evair acumulou convocações durante as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1994, mas foi preterido pelo atacante Paulo Sérgio, do Bayern de Munique. Artilheiro do Palmeiras, ele era um dos nomes mais cotados para participar do torneio. Depois, ele foi ídolo no Vasco.

Neto

O meia Neto ficou famoso por sua precisão nas cobranças de falta. Ele jogou pelos quatro grandes clubes de São Paulo, mas tornou-se ídolo do Corinthians, clube pelo qual foi o maior destaque no primeiro título brasileiro, em 1990. Neto não foi convocado para a Copa do Mundo da Itália, neste mesmo ano.

Amoroso

Com uma carreira vitoriosa no exterior, o atacante Amoroso chegou a ser artilheiro campeão alemão na temporada 2001/2002. Ele também venceu a Copa América de 1999 com a seleção brasileira. Apesar desse currículo, o atleta ficou de fora da convocação para a Copa do Mundo da Coréia e do Japão.

Adílio

Meio-campista que se consagrou no Flamengo, Adílio ficou de fora da Copa de 1982. Na época, ele vivia o auge da carreira pelo rubro-negro vencedor da Libertadores e do mundial de clubes. O atleta acabou sendo campeão do mundo após deixar os gramados. Ele venceu a Copa do Mundo de Futsal de 1989 com a equipe brasileira.

Marcelinho Carioca

Conhecido como "pé de anjo", o meia é um dos maiores ídolos do Corinthians. Ele participou de jogos nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2002, mas acabou ficando fora da lista final. Na época, o atleta vivia grande fase e já havia sido bicampeão brasileiro e do mundial de clubes pela equipe paulista.