Renan inclui ex-diretor da Saúde e dois empresários na lista de investigados na CPI da Covid

·2 minuto de leitura

BRASÍLIA - O relator da CPI da Covid, Renan Calheiros (MDB-AL), anunciou nesta quarta-feira a inclusão de mais três pessoas na lista de investigados: o ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias; o dono da empresa Precisa, Francisco Maximiano; e Emanuel Catori, sócio da Belcher. A CPI suspeita do envolvimento deles em irregularidades na compra de vacinas.

— Em função do avanço da investigação, das provas coligidas, dos depoimentos prestados, nós elevamos a condição dessas pessoas à condição de investigados — disse Renan.

Roberto Dias foi acusado pelo servidor Luis Ricardo Miranda, do Ministério da Saúde, de fazer pressão pela liberação da vacina Covaxin, a vacina desenvolvida pelo laboratório indiano Bharat Biotech. Ele também foi acusado pelo PM Luiz Paulo Dominguetti, que tentou negociar vacinas com o ministério, de cobrar propina.

A Precisa, empresa de Maximiano, foi o representante do laboratório indiano no Brasil. A Covaxin foi a vacina mais cara a ser contrato fechado pelo Ministério da Saúde, ao custo de 15 dólares a dose. Depois que o negócio entrou na mira da CPI, ele foi suspenso pelo governo federal e a Bharat Biotech rompeu a parceria que tinha com a Precisa.

A empresa Belcher, de Emanuel Catori, era a representante do laboratório chinês Cansino para o fornecimento da vacina Convidecia. Em junho, os chineses romperam a parceria e, com isso, os processos de autorização do produto na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e de compra no Ministério da Saúde foram suspensos.

A CPI vê semelhanças entre a Precisa e a Belcher, empresas brasileiras representantes de laboratórios estrangeiros. Senadores vêm ligações de ambas, por exemplo, com o líder do governo na Câmara, o deputado Ricardo Barros (PP-PR). Para completar, Belcher e Precisa são citadas em investigação sobre possíveis irregularidades no enfrentamento à pandemia no Distrito Federal.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos