RenovaBr anuncia nova turma mais diversa e com ex-candidatos de 2020

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um dos grupos surgidos nos últimos anos com o objetivo de arejar a política, o RenovaBR anunciou os 150 selecionados de sua nova turma de formação de quadros.

Será a turma mais diversa a participar do curso, com 44% de mulheres e 36% que se declaram pretos e pardos. Os alunos também têm variada filiação partidária: pertencem a 21 legendas, sendo que 22% não são ligados a nenhuma sigla.

Entre os aprovados no processo de seleção há filiados ligados a grupos como MBL (Movimento Brasil Livre) e Livres, além de pessoas que já disputaram eleições.

Exemplos são Danielle Garcia (Cidadania), que chegou ao segundo turno da eleição para a Prefeitura de Aracaju no ano passado, Marina Helena (Novo), ex-candidata a vice-prefeita de São Paulo e Leticia Arsenio (Novo), que tentou vaga de vereadora no Rio de Janeiro, também em 2020.

A ideia é que a maioria dos participantes do curso concorram a cargos eletivos, sobretudo no Legislativo, na eleição do ano que vem.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos