República de Srpska celebra dia nacional apesar da condenação judicial

O líder sérvio-bósnio, Milorad Dodik, liderou um desfile das forças de segurança da República de Srpska, a entidade sérvia-bósnia, nas ruas da zona leste de Sarajevo, para assinalar o aniversário da sua criação, a 9 de janeiro.

No entanto, a celebração foi declarada ilegal pelo Tribunal Constitucional da Bósnia-Herzegovina, mas Dodik garantiu que o território "pertence" aos sérvios que "estão dispostos a defender a sua liberdade".

O país permanece dividido e tem sido assolado por divisões étnicas desde o início da guerra que teve lugar em 1992.