Resgates finais na Albânia

Pelo menos 49 pessoas morreram e mais de 5.000 perderam suas casas: foi o que informou um balanço divulgado, nesta sexta-feira, pelo primeiro-ministro do país Edi Rama. As equipes de busca e resgate realizaram, no mesmo dia, os últimos serviços em escombros.