Resort de Trump na Flórida é parcialmente fechado por surto de coronavírus, dizem fontes

·1 minuto de leitura
Resort de Trump em Palm Beach

WASHINGTON (Reuters) - Partes do resort de golfe do ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump em Palm Beach, na Flórida, foram temporariamente fechadas por causa de um surto de coronavírus, segundo duas fontes com conhecimento do assunto.

Uma fonte familiarizada com as operações do clube disse que alguns funcionários foram colocados em quarentena "por precaução", e "uma seção do clube" foi fechada por um curto período de tempo.

Nenhum detalhe adicional foi disponibilizado imediatamente sobre o número de infecções ou quais partes do clube foram fechadas, ou quando seriam reabertas.

Trump e sua família se mudaram para o resort de Mar-a-Lago em 20 de janeiro, dia em que seu sucessor, Joe Biden, foi empossado presidente.

Trump ficou hospitalizado por vários dias em outubro do ano passado após contrair o vírus. Sua esposa, Melania, e o filho Barron também testaram positivo.

(Reportagem de Andrea Shalal e Steve Holland)

((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447702))

REUTERS TR PF