Resumos de 'Gênesis', de 15 a 19 de fevereiro: Ur é invadida pelos Amoritas

Extra
·3 minuto de leitura

Sunuabum, líder dos Amoritas, resolve invadir a cidade. Porém, os moradores de Ur lutam contra os invasores e salvam os reféns.

E mais ciúmes..

Enquanto Amat dá à luz Abrão, Terá se aproxima da sacerdotisa Nadi. O marido de Amat a decepciona com atitudes posteriores ao nascimento do filho do casal. Amat também descobre a traição.

Capítulo 20 – segunda-feira, dia 15 de fevereiro

Sorrateiro e armado, Lugali invade a tenda de Terá. Ele percebe que foi enganado. Terá exige saber quem foi o mandante de Lugali. Lúcifer observa o retorno de Terá à Ur. A caravana de Terá é surpreendida. Terá persegue Lugali. Nadi mostra sua exuberância. Iafa e Amat tentam se livrar de pessoas indesejadas. Enlila tranquiliza Nadi e alerta a sacerdotisa para as bebidas dos sacerdotes. Amat sente as contrações. Terá tenta salvar Lugali. Enlila engana o rei Ibbi-Sim. Nidana é surpreendida com os novos moradores de sua casa. Caravana de Terá se aproxima de Ur. Kala ameaça Enlila. Nadi finge beber no ritual do casamento sagrado. Ibbi-Sim começa a despi-la. Terá é recebido em Ur como herói. Enlila se livra de Kala. Em trabalho de parto, Amat descobre que Terá chegou na cidade. Absali ameaça Lugali, mas é surpreendido por Hamu e Lamassi. Amat dá à luz Abrão.

Capítulo 21 – terça-feira, dia 16 de fevereiro

Amat fica decepcionada com a atitude de Terá diante do nascimento do filho. Sob o efeito da bebida, Ibbi-Sim não tem sucesso diante de Nadi. Enlila beija o general Ekur. Nadi e Ibbi-Sim mentem e dizem que o casamento foi consumado. Terá dá um ultimato em Absali. Lamassi e Iafa começam a se aproximar. Absali diz a Morabi sobre a descoberta de Terá. Absali deixa a cidade. Nadi conhece o bebê de Terá e Amat. Morabi manda Nidana parar de incomodar Terá. Terá fica mexido com a investida de Nadi. Morabi joga Amat contra Terá. Os pais de Abrão discutem. Amat se recusa a ir em uma festa no palácio e Terá é firme com ela. Danina aceita cuidar de Abrão. No palácio, Terá não disfarça seu interesse por Nadi. Ele desabafa com a sacerdotisa, que o consola, carinhosamente. Todos são surpreendidos ao descobrirem que o corpo de Kala foi encontrado. Terá quase beija Nadi. Amat se aproxima.

Capítulo 22 – quarta-feira, dia 17 de fevereiro

Terá e Nadi despistam Amat. O corpo de Kala é sepultado. Enlila consola Ibbi-Sim. Em conversa com Amat, Terá fala sobre sua vontade de enriquecer antes de deixar Ur. Enlila se mantém firme diante de Ekur. Dois meses depois, Ibbi-Sim sente medo e desespero com a possibilidade de ter um assassino a solta. Terá pede para Kissare aceitar seu filho Abrão na escola de escribas. Enlila avisa ao rei que está grávida. Dez anos se passam e Terá deixa Amat para trabalhar. Na escola de escribas do palácio, Abrão e Harã, filhos de Terá, são provocados pelo jovem príncipe Dnin-Sim. Sunuabum, líder dos amoritas, prepara um ataque a Ur.

Capítulo 23 – quinta-feira, dia 18 de fevereiro

Abrão é punido por causa de Dnin-Sim. Liderados por Hod e Dov, os amoritas invadem Ur e lutam. Os amoritas são perseguidos por Gurik e os soldados. Danina é feita refém. Terá se mostra decepcionado com Abrão. Terá luta com os invasores e salva Jeribali. Danina se surpreende com a constatação de Aya. Amat flagra Terá com Nadi.

Capítulo 24 – sexta-feira, dia 19 de fevereiro

Amat ameaça Terá e Nadi. Danina discorda de Aya. Terá tenta controlar a esposa. Harã e Abrão invadem o palácio. Sunuabum descobre que o irmão foi capturado. Diante de Ekur, Enlila nega que Dnin-Sim seja filho do general. Nidana desconfia de Danina. Lamassi tenta de aproximar de Iafa. Nadi pressiona Terá para se casarem. Abrão aceita o desafio proposto por Dnin-Sim. Abrão cai na armadilha do príncipe. O sumo-sacerdote Kissare acaba sendo vítima da maldade de Morabi. Amat recebe Terá e Nadi. Ela fica chocada com a pretensão do marido.