Réu por ajudar fuga de Lázaro Barbosa, fazendeiro morre em Goiás

·1 min de leitura
Fazendeiro teria ajudado na fuga de Lázaro Barbosa - Foto: Reprodução
Fazendeiro teria ajudado na fuga de Lázaro Barbosa - Foto: Reprodução
  • Fazendeiro que teria auxiliado Lázaro Barbosa em sua fuga morreu no último domingo

  • Ele teria abrigado o serial killer e despistado a polícia com informações falsas

  • O fazendeiro teria sofrido um infarto

Um fazendeiro acusado de ajudar o serial killer Lázaro Barbosa durante sua fuga no ano passado morreu no último domingo (27), em Águas Lindas de Goiás. As informações são do G1.

Ilvan Silva Barbosa, advogado de Elmi Caetano, relatou que o cliente sofreu um infarto.

Segundo Ilvan, Elmi estava vivendo em Águas Lindas com a esposa e os filhos. Não foi relatado se ele morreu em casa ou chegou a ser socorrido e levado a um hospital.

Elmi teria abrigado e auxiliado Lázaro durante os 20 dias fuga da polícia em junho do ano passado, até que o criminoso fosse morto em operação. Ele teria passado informações falsas aos agentes, para despistar a corporação na busca pelo criminoso.

Fazendeiro chegou a ser preso

O fazendeiro e seu caseiro foram presos no dia 24 de junho de 2021 em Cocalzinho de Goiás. Ele ficou em silêncio ao ser interrogado pelos policiais.

Elmi foi solto após 12 dias e respondia em liberdade. Segundo Ilvan, o processo estava suspenso aguardando laudos que comprovariam ou não se Lázaro esteve na propriedade do fazendeiro.

Com a morte de Elmi, a tendência é de que o caso seja arquivado. A decisão oficial, porém, deve levar alguns dias até ser anunciada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos