Revista retrata Bolsonaro como Hitler e chama presidente de “genocida”

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Bolsonaro foi retratado como Adolf Hitler na capa da revista IstoÉ (Foto: Reprodução)
Bolsonaro foi retratado como Adolf Hitler na capa da revista IstoÉ (Foto: Reprodução)
  • Presidente Jair Bolsonaro foi retratado como Adolf Hitler na capa da revista IstoÉ

  • Publicação faz referência ao relatório final da CPI da Covid, que indiciará Bolsonaro por genocídio

  • Relatório final da CPI será apresentado por Renan Calheiros na próxima terça-feira

Retratado como Adolf Hitler, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é a capa da revista IstoÉ, divulgada nesta sexta-feira (15). No lugar do conhecido bigode do ditador nazista, aparece a palavra “genocida”. Além disso, o presidente é chamado de “mercador da morte”

Na capa da publicação, a justificativa para a comparação é a de que o presidente “patrocinou experiências desumanas inspiradas no horror nazista durante a pandemia, segundo o relatório final da CPI da Covid”.

Leia também:

A palavra “genocida” também remete a um dos crimes pelos quais Bolsonaro será indiciado no relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito, produzido pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL), o de genocídio. No total, a CPI vai apontar 11 crimes cometidos pelo presidente.

A revista ainda faz críticas às declarações de Jair Bolsonaro de que não vai se vacinar e diz que “a história já deu seu veredito, mas falta a Justiça condená-lo”.

O relatório da CPI da Covid deve ser apresentado na próxima terça-feira (19) por Renan Calheiros e, na quarta (20), o documento será votado pelos membros da comissão. O último depoimento acontece na segunda-feira (18), quando será ouvido o médico responsável pela produção do relatório da Conitec contra o “kit covid”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos