Rio é a cidade do país com mais mortes por Covid-19 em duas semanas, seguida de São Paulo

Felipe Grinberg e Ana Letícia Leão
·1 minuto de leitura
Foto: Ellan Lustosa / Código 19

A alta recente de óbitos de Covid-19 em todo o Brasil é fruto principalmente do grande número de mortes registradas nas cidades do Rio e de São Paulo. A capital fluminense lidera o triste ranking de municípios que mais confirmaram mortes por Covid-19 nas últimas duas semanas, com 565 mortes. Entre as vinte cidades que mais tiveram óbitos no país, outras duas ficam na Região Metropolitana do estado: Nova Iguaçu e São Gonçalo — esta última, implementou há um mês novas medidas de isolamento social. Com 514 mortes em 14 dias, São Paulo vem logo atrás do Rio. O levantamento, que se baseou em dados coletados até segunda-feira, foi feito pelo pesquisador Wesley Cota, da Universidade Federal de Viçosa.

Depois de Rio e São Paulo, aparecem entre as grandes capitais com alta taxa de óbitos, Distrito Federal e Porto Alegre. O consórcio de veículos de imprensa — formado por O GLOBO, Extra, G1, Folha de S.Paulo, UOL e O Estado de S. Paulo, que reúne informações das secretarias estaduais de Saúde — divulgou que o Brasil teve nesta terça-feira 900 mortes pelo novo coronavírus. Os dados mostram que 19 estados tiveram alta no total diário de óbitos. Mas São Paulo e Rio são o epicentro da Covid-19 no momento. Juntas, as cidades vizinhas somam 1.079 mortes em duas semanas, mais do que o total registrado nas 11 cidades que as seguem na lista de óbitos.