Rio antecipa para esta sexta-feira cobrança do passaporte da vacina em locais públicos para pessoas a partir de 15 anos

·1 min de leitura

RIO - A Prefeitura do Rio, publicou nesta tarde novo calendário no qual antecipa data para cobrança de apresentação do passaporte da vacina em locais públicos por pessoas a partir de 15 anos. Segundo a informação da Secretaria Municipal de Saúde, em suas redes sociais, a cobrança já vale a partir desta sexta-feira, 12.

A medida, segundo o órgão, se deve à antecipação do prazo para a segunda dose da Pfizer para pessoas com 15 anos ou mais. Sendo assim todas as pessoas a partir dessa idade deverão apresentar seus comprovantes de vacinação com as duas doses para acessar locais públicos, como estádios esportivos, cinemas, teatros, museus, entre outros.
A secreatria informou que também os idosos, com 61 anos ou mais, deverão apresentar seus respectivos comprovantes com o ciclo vacinal completo, ou seja, com as duas doses da vacina contra a covid-19 , além da dose de reforço. Já as crianças e os adolescentes menores de 15 anos não precisarão apresentar comprovante.
De acordo com a Secretaria de Saúde, a comprovação da situação vacinal pode ser feita com o certificado de vacinação digital disponível na plataforma ConecteSUS ou com comprovante, caderneta ou cartão de vacinação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos