Rioprevidência: 5.008 inativos e pensionistas do Estado do Rio estão com benefícios suspensos por falta de prova de vida

O Rioprevidência informou que 5.008 servidores inativos e pensionistas do Estado do Rio — que fizeram aniversário de janeiro a agosto deste ano — estão com os benefícios suspensos por terem deixado de fazer a prova de vida anual obrigatória.

Segundo o órgão, a suspensão ainda pode ser revertida. Para restabelecer o pagamento, os interessados devem comparecer a qualquer agência do Bradesco para fazer a atualização de seus dados. Para isso, devem levar um documento de identidade, o CPF e um comprovante de residência.

Após seis meses, se os segurados ainda assim não regularizarem a situação junto ao bano, os benefícios são cancelados definitivamente.

Cabe ressalta quer a prova de vida deve ser feita exclusivamente no Bradesco, inclusive para aqueles que fizeram portabilidade para outra instituição financeira.

Para mais informações, inclusive sobre as regras válidas para os segurados com dificuldade de locomoção, os acamados e os residentes fora do Brasil, é preciso acessar o site www.rioprevidencia.rj.gov.br.

Confira o número de benefícios suspensos mês a mês