Roberto Carlos pede 'um minuto de aplausos' a Gal Costa e Rolando Boldrin em show; veja o vídeo

No dia da morte de Gal Costa e Rolando Boldrim, Roberto Carlos homenageou os dois artistas brasileiros durante apresentação na noite de ontem, no Espaço Unimed, em São Paulo. Ao final de "Sua estupidez", o rei lembrou que a canção fez "mais sucesso na voz de Gal Costa" do que na dele. "O sucesso realmente foi dela", destaca Roberto.

"Hoje é um dia muito triste porque Gal nos deixou. Eu não posso deixar de dizer o quanto Gal criou de alegria, de beleza, de sentimento e de romantismo em tudo que fez, em tudo que gravou", disse o rei.

Roberto lembrou também a morte do ator e apresentador Rolando Boldrim.

"Hoje também recebi a notícia muito triste que Rolando Boldrin também foi embora. Sabe, eu... Rolando e Gal foram pessoas muito lindas que enfeitaram nossa vida todo tempo que viveram. Quero pedir não um minuto de silêncio, mas um minuto de aplausos para eles", disse o cantor, seguido de aplausos da plateia.