Roberto Jefferson acusa Bolsonaro e Flávio de estarem "viciados nas facilidade do dinheiro público"

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
O ex-deputado Roberto Jefferson (Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino)
O ex-deputado Roberto Jefferson (Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino)
  • Roberto Jefferson afirmou que Bolsonaro e Flávio Bolsonaro estão "viciados nas facilidades em dinheiro público"

  • Ele defendeu ainda que Hamilton Mourão seja convidado para ser o candidato do PTB em 2022

  • O ex-deputado fez as afirmações em uma carta

O ex-deputado Roberto Jefferson, preso no Complexo Penitenciário de Bangu, no Rio de Janeiro, afirmou que o presidente Jair Bolsonaro e seu filho, o senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), estão "viciados nas facilidades do dinheiro público".

Na carta que escreveu, revelada pelo jornal O Globo, ele defendeu ainda que o vice-presidente Hamilton Mourão seja convidado para ser o candidato do PTB, partido de Jefferson, para concorrer nas eleições presidenciais do ano que vem.

"Bolsonaro cercou-se com viciados em êxtase com dinheiro público; Farias, Valdemar, Ciro Nogueira, não voltará aos trilhos da austeridade de comportamento. Quem anda com lobo, lobo vira, lobo é. Vide Flávio”, afirmou na carta.

O ex-deputado citou ainda os integrantes do Centrão. "Se os filhos atrapalham, remova-os. Valdemar Costa Neto e Ciro Nogueira puxam para trás qualquer mudança de práticas, para uma nova vereda de austeridade e honra", completou.

Ele foi preso em agosto por sua suposta participação em uma organização criminosa digital montada para ataques à democracia.

O pedido de prisão foi autorizado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes. A investigação faz parte do novo inquérito aberto por ordem de Moraes após o arquivamento do inquérito dos atos antidemocráticos, para apurar uma organização criminosa digital.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos