Rock in Rio faz festival de conversas e shows com Alok, Fátima Bernardes e Gilberto Gil

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·4 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO - RJ - BRASIL - 06.09.2019 - ROCK IN RIO. (Foto: Adriano Vizoni/Folhapress)
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO - RJ - BRASIL - 06.09.2019 - ROCK IN RIO. (Foto: Adriano Vizoni/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Produzido pela organização do Rock in Rio, o festival de conversas e debates Humanorama começa nesta terça (14) e tem uma programação online até sexta (17). As atividades são grátis e entre os cerca de 250 participantes estão Gilberto Gil, Fábio Porchat, Alok, Monja Coen, Gabriel, o Pensador, Fátima Bernardes e Fábio Assunção.

Realizado simultaneamente no Brasil e em Portugal, o evento terá quatro salas virtuais para receber pessoas de diferentes áreas de atuação —empresários, artistas, executivos, acadêmicos, influenciadores, entre outros. Para assistir, é preciso fazer um cadastro no site oficial.

Os convidados vão compor aproximadamente 80 horas de conteúdo, entre workshops, debates e reflexões sobre temas atuais por “um mundo melhor”, lema do Rock in Rio. Sustentabilidade, questões de gênero, raciais e ambientais devem figurar na pauta.

“A ideia é promover o diálogo, a troca de ideias e o encontro de pessoas com diferentes experiências de vida, dar espaço à reflexão, ao exercício da empatia e à potencial criação de soluções para uma vida mais saudável em sociedade”, diz Agatha Arêas, vice-presidente de Learning Experience do Rock in Rio. Para a executiva, o Rock in Rio Humanorama é um ambiente de escuta, de fala e de colaboração.

Assim como ocorre na Cidade do Rock, o público terá a opção para escolher o que deseja ver nos diferentes palcos —no caso, os canais “Sou”, “Nós”, “Somos” e “Experiências de Aprendizagem”.

Os quatro espaços são divididos por temas, explica a organização. No “Sou”, o foco é sustentabilidade individual e o autoconhecimento; o canal “Nós” explora as relações interpessoais, o poder do coletivo e da colaboração; o “Somos” aborda o universo do impacto social e a relação com o meio ambiente, explorando temas como a cidadania ativa, economia sustentável, criação de valor; e o canal “Experiências de Aprendizagem” será o epicentro dos workshops práticos, liderados por professores e especialistas que abordarão as três temáticas dos restantes canais.

“A principal premissa da nossa curadoria é justamente a diversidade”, diz Agatha Arêas. “Colocamos muita energia no mapeamento de pessoas que representassem o máximo possível a pluralidade que qualifica a nossa sociedade.”

Na tarde desta terça (14), por exemplo, Andreia Sadi e Preto Zezé se juntam a Gilberto Gil na dinâmica intitulada “Há vagas para cidadãos”, além de Fátima Bernardes, Thelma Guedes e Fábio Assunção em “Histórias que inspiram. Já Luís Justo e Alok participam de conversa sobre NFTs.

“Cuidar de mim é cuidar do mundo” traz Monja Coen e Gabriel, o Pensador na quarta (15). Já na sexta (17), Fábio Porchat, Luiza Trajano e Edu Lyra se reúnem na conversa “Começando pela porta dos fundos”.

Entre os shows estão Taylan, AnnaLu, Romero Ferro e Simone Mazzer —um para cada dia de evento.

Segundo a produção, a ideia é “abrir espaço a novas perspectivas e visões sobre alguns dos assuntos mais complexos da sociedade, explorando diferentes aspectos do ser humano e a sua capacidade de autorreflexão e de se relacionar com os outros.”

O Humanorama é mais uma iniciativa do tradicional festival de música na área da educação, depois de ter criado uma unidade de negócio dedicada ao learning experience.

Para Roberta Medina, vice-presidente-executiva do Rock in Rio, “inovar e inspirar são palavras intrínsecas ao festival e fazem parte da visão de construção de um mundo melhor. “Acreditamos que o Rock in Rio Humanorama é mais um passo nesse sentido, ao ser um projeto que promove o diálogo, fomenta novas ideias e fornece ferramentas e insights que podem gerar um impacto significativo na sociedade, começando pelo próprio desenvolvimento de cada um”, disse em entrevista ao Lineup.

De acordo com Medina, uma edição presencial do Humanorama deve ocorrer ainda no primeiro semestre de 2022 —provavelmente em meados de abril ou maio— com espaços montados em Portugal e no Brasil.

Já o Rock in Rio com atrações musicais, por causa da pandemia, foi remarcado para os dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro de 2022 na Cidade do Rock, montada no Parque Olímpico (zona oeste do Rio).

Em Lisboa, por sua vez, o festival foi adiado em 2020 e 2021, tendo sua próxima edição sido marcada para os dias 18, 19, 25 e 26 de junho de 2022.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos