Rossi, Quintero... Como estão as movimentações do Flamengo no mercado

A apresentação de Vitor Pereira no Flamengo, junto ao anúncio oficial do retorno do meia Gerson, esquentou de vez o noticiário rubro-negro. Já de olho nos primeiros títulos que serão disputados neste começo de ano, principalmente o Mundial de clubes da Fifa, a torcida quer saber se novos reforços chegarão. Acompanhando o treinador português, o vice de futebol Marcos Braz falou sobre alguns nomes. Confira abaixo:

'Ninguém foi no dos meus pais': Pentacampeão, ex-goleiro Marcos explica ausência no velório de Pelé

Velório de Pelé: Ausência de campeões do mundo chama a atenção; relembre como foi com Maradona

Agustín Rossi (goleiro do Boca Juniors) e Quintero (meia do River Plate)

"O Rossi já era um desejo antigo desde o ano passado. A gente chegou a conversar com o Boca para saber as possibilidades. A gente entendeu as razões do clube de seguir uma negociação, e isso ficou em banho maria. Até porque ele tinha contrato até o final de maio, se eu não me engano. O Rossi pode assinar um pré-contrato a partir de ontem, mas não temos absolutamente nada"

"A situação do Quintero foi um pouco mais no final do ano. Não temos absolutamente nada com esses dois jogadores, estamos analisando o custo-benefício. Nós analisamos até que ponto temos que fazer um exercício de tentar essa contratação".

Guillermo Varela (lateral do próprio Flamengo em reta final de contrato)

"Varela foi isso: a gente gosta do jogador, disputou Copa do Mundo, e a gente entende que vá ajudar bastante nos próximos anos caso dê tudo certo".

Participação de Vítor Pereira na escolha dos nomes

"Depois que o Vitor foi contratado, todas as análises que nós fizemos nós conversamos com ele. Mesmo quando ele estava em Portugal, a gente ouvia a opinião dele e dava a nossa. Isso aí nós estamos fazendo sistematicamente."