Saúde diz que ConecteSUS foi reestabelecido, mas pode ter instabilidade

·1 min de leitura
***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 13.07.2021 - O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 13.07.2021 - O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

SÃO PAULO SP (FOLHAPRESS) - O Ministério da Saúde afirmou na noite desta quinta-feira (23) que o sistema ConecteSUS voltou a funcionar. A ferramenta emite o comprovante de vacinação contra a Covid-19.

No entanto, segundo nota da pasta divulgada em uma rede social, o site pode apresentar instabilidade nas primeiras horas.

O ConecteSUS estava fora do ar desde o dia 10 deste mês, quando um ataque hacker atingir outros sistemas do ministério, entre eles o site oficial.

"O Ministério da Saúde informa que o aplicativo ConecteSUS foi restabelecido. A pasta destaca que a emissão do certificado nacional de vacinação Covid-19 pode apresentar instabilidade nas primeiras horas, em razão do volume dos acessos", afirmou a pasta, no Twitter.

A Polícia Federal investiga o caso, mas uma análise preliminar constatou que não houve sequestro de dados do governo federal.

A hipótese principal das autoridades é que a ação criminosa foi motivada por ativismo político na internet, o chamado hacktivismo. Elas avaliam se houve perda de informações.

O ministério sofreu novo ataque no dia 13. "Em relação a esse [ataque], foi algo de menor monta. Estamos trabalhando para recuperar isso o mais rápido possível", disse o ministro Marcelo Queiroga na ocasião.

Foram 13 dias sem acesso ao ConecteSUS. Por causa do primeiro ataque, o governo chegou a adiar a primeira portaria sobre entrada de viajantes no país, que passaria a valer em 11 de dezembro.

Com o Conecte SUS fora do ar, muitos brasileiros não conseguiriam baixar o comprovante de vacinação do aplicativo.

S

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos