Sabatina de André Mendonça só será marcada após decisão do STF

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Sabatina de André Mendonça só será marcada após decisão do STF, diz senador Davi Alcolumbre

  • Mendonça foi indicado ao Supremo pelo presidente Jair Bolsonaro

  • Presidente da CCJ tem adiado a ida do ex-ministro da Justiça de Bolsonaro à comissão

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), avisou que vai aguardar a decisão final do Supremo Tribunal Federal (STF) para decidir sobre a sabatina de André Mendonça. Indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para a vaga, Mendonça aguarda a sabatina desde julho.

“Agora está sub judice, não posso me manifestar. Fiquem tranquilos, vamos decidir. Mas não posso me manifestar porque agora judicializou”, disse Davi Alcolumbre, que vem sendo pressionado para que o nome de Mendonça seja colocado em votação. 

Leia também:

Os senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Jorge Kajuru (Podemos-GO) recorreram ao STF para que Alcolumbre seja obrigado a agendar a data.

O ministro Ricardo Lewandowski, relator da ação no STF, deu um prazo de dez dias para que o presidente da CCJ se manifeste por que está demorando a marcar a data. A PGR também terá de se manifestar, e pode demorar a responder, já que Augusto Aras também tem interesse na vaga do Supremo.

Mendonça ainda corre o risco de não ter o nome aprovado na CCJ. Alcolumbre já teria dito a interlocutores que não há votos suficientes para aprovar a indicação nem na comissão nem no plenário da Casa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos