Saiba como o 'versátil' Oscar pode ser encaixado no atual Flamengo de Dorival Júnior

A foto de Oscar usando uma camisa do Flamengo movimentou as redes sociais nesta segunda-feira. E, claro, alimentou a expectativa do torcedor, que já começa a escalar como ficaria o rubro-negro com a chegada de mais um reforço de peso. Algo natural, mas o debate vai além porque é difícil prever como o meia se encaixaria nesta equipe. Pelo que foi visto na China, há dúvidas grandes sobre como seria seu posicionamento.

Na última temporada, Oscar disputou 23 jogos. Na atual, são três. E seu mapa de calor mostra que a tendência é que ele atue pelo lado esquerdo. Na China, ele chegava a cair quase como um ponta. Como Bruno Henrique está lesionado, ele não dividiria posição com o atacante — talvez com Everton Cebolinha quando escalado. Ainda assim, a tendência é que siga atuando como meia, mas sua versatilidade pode ajudar Dorival Júnior a encontrar o melhor posicionamento.

Curiosamente, o posicionamento de Oscar atende uma crítica já feita para a formação deste elenco do Flamengo: a falta de variação entre os meio-campista. Um terceiro meia, mais à esquerda, é algo em falta e já pedido por torcedores há algumas temporadas. Arrascaeta tem seu mapa de calor também mais forte nesta região, mas tende a flutuar mais para o centro. Everton Ribeiro, por outro lado, predomina na área direita do campo.

O mapa de calor do Flamengo que mais se assemelha é o de Andreas Pereira, que deixou o rubro-negro para atuar no Fulham, da Inglaterra. Na Libertadores, por exemplo, seu posicionamento era bem parecido com o do possível reforço. Oscar, porém, tem características muito mais ofensivas e entra mais na área do que o belga.

Já taticamente, pela forma como Dorival Júnior tem escalado o Flamengo, principalmente pensando na formação com dois atacantes unindo Pedro e Gabigol, é difícil acreditar que Oscar dividirá a mesma faixa de campo que Arrascaeta e Everton Ribeiro — neste caso, este deve ir para o banco. O treinador já falou sobre equilíbrio e não pretende comprometer seu sistema defensivo.

Caso a dupla de ataque não atue junta, abre espaço para Oscar entrar em algumas das funções ofensivas junto aos outros dois meias. O certo é: algum jogador terá o seu posicionamento como conhecemos alterado.

Cabe destacar que Oscar e Everton Ribeiro quase atuaram juntos em três oportunidades. Em 2014, durante amistosos da seleção brasileira, dividiram convocação na vitórias sobre a Colômbia (1 a 0), Equador (1 a 0) e Japão (4 a 0). Em nenhuma delas, porém, atuaram juntos — Oscar começou todas de titular e saiu no mesmo momento que Everton Ribeiro entrou.

Como está a negociação?

O Flamengo adota paciência e cautela, mas há otimismo nos bastidores de que o meia Oscar, do Shangai Port, consiga em breve a liberação do clube para atuar no Brasil até o ano que vem. Como a diretoria rubro-negra já tem um acordo salarial com o jogador, que precisaria abrir mão de uma boa parte do valor recebido na China, falta que Oscar e seu agente se acertem para obter o aval para um empréstimo, o que é visto no Flamengo como questão de tempo.

A janela de transferências vai até o dia 15 de agosto, e o jogador só poderia defender o clube no Brasileiro e a partir da semifinal da Libertadores, sem falar no Mundial. O meia tem contrato até 2024 e teve a permissão para vir ao Brasil acompanhar o nascimento de mais um filho. Em meio a situação crítica da pandemia na China, precisou fazer isolamento e pediu para voltar ao seu país, no que foi atendido.

Nesse momento, surgiu o interesse do Flamengo em contratar o meia, diante da reformulação em curso no elenco, e sobretudo com a definição de que Diego Ribas não ficará. O empresário Giuliano Bertolucci, parceiro do Flamengo, entrou no circuito e dialoga para que o atleta tenha sem desejo atendido.

O Flamengo, por sua vez, quer tê-lo não apenas até o fim da atual temporada, mas também em 2023, com a possibilidade de um acordo em seu último ano de contrato na China para a compra definitiva.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos