Saiba quais são as principais datas do calendário eleitoral para 2º turno nas eleições 2020

O Globo
·2 minuto de leitura
Reprodução TSE
Reprodução TSE

RIO - Apenas duas semanas separam o fim do primeiro turno e a nova votação para definir prefeitos nas cidades em que nenhum candidato alcançou mais de 50% dos votos válidos. Oficialmente, a campanha para o segundo turno foi iniciada às 17h desta segunda-feira e irá até as 22h do próximo dia 28, véspera da segunda etapa do processo eleitoral.

Nesta sexta-feira, os candidatos já retomam a campanha no horário eleitoral gratuito, e podem veicular suas propostas na televisão e no rádio para os últimos eleitores indecisos até o dia 27, última sexta-feira antes do pleito. De acordo com a legislação eleitoral, serão oito dias de propaganda com dois blocos de dez minutos, divididos igualmente entre os candidatos. Uma outra cota de 25 minutos também é dividida entre os candidatos, fracionados em inserções de 30 e 60 segundos.

Veja a seguir as principais datas do calendário eleitoral até a posse dos prefeitos eleitos, em 1º de janeiro:

16 de novembro: Data a partir da qual nenhum candidato que participará do segundo turno de votação poderá ser detido ou preso, salvo no caso de flagrante delito

20 de novembro: Data a partir da qual, até 27 de novembro de 2020, será veiculada propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão relativa ao segundo turno

24 de novembro: Data a partir da qual nenhum eleitor poderá ser preso ou detido, salvo em flagrante delito, ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou por desrespeito a salvo-conduto

27 novembro: Último dia para a divulgação da propaganda eleitoral gratuita do segundo turno no rádio e na televisão e para a divulgação paga, na imprensa escrita, de propaganda eleitoral do segundo turno

29 de novembro: Segundo turno da eleição

1º de dezembro: Término, após as 17h, do período em que nenhum eleitor poderá ser preso ou detido

15 de dezembro: Prazo para a prestação de contas das campanhas dos candidatos e dos partidos políticos

Até 18 de dezembro: Data da diplomação dos candidatos eleitos

1º de janeiro de 2021: Posse dos prefeitos eleitos

Serviço eleitoral

Dica: Algumas das orientações do TSE numa eleição em meio à pandemiaEleições 2020:Confira o ambiente especial com tudo sobre a disputa