Saiba quem é o vilão Cobra de 'Poliana moça': revelação vai causar reviravolta na trama

Um grande mistério será desvendado no capítulo de "Poliana moça" que vai ao ar nesta sexta-feira, dia 4, no SBT: a verdadeira identidade do grande vilão da trama, Cobra. A revalação de que se trata da personagem Tânia, intepretada por Ana Valverde, causará uma reviravolta na trama.

Desde que Otto (Dalton Vigh), pai de Poliana (Sophia Valverde), descobriu que Tânia mentiu para ele sobre a própria identidade e também não contou sobre ser mãe de Celeste (Allana Lopes), a relação entre os dois estremeceu. Até então sob desconfianças, mas passando despercebida sem provas concretas, a escritora mostrará todo o seu potencial antagônico ao ser desmascarada. Unida à Roger (Otávio Martins), suas artimanhas continuarão influenciando a vida de outros personagens.

Em entrevista, a atriz Ana Paula Valverde conta sobre novo momento na novela, com a revelação de que sua personagem, Tânia, é a pessoa por trás de Cobra:

— Eu acho o máximo! E o mais gostoso foi construir essa personagem de uma maneira que não entregasse ao público sua reviravolta, ou suas verdadeiras intenções logo de cara. As máscaras da Tânia vão caindo aos poucos, então tem pequenas surpresas pelo caminho.

Sobre o crescimento do papel dentro da história e também em sua vida, Ana comenta que Tânia é a sua primeira vilã na TV. No início da trama de "Poliana moça", ela era vista como uma "mocinha", e com o tempo foi chegando aonde queria. Por um lado, segundo a intérprete, essas camadas diferentes da malvada que se sobrepõem são complexas.

— Ela é uma mulher inteligente que encanta pela perspicácia e por seus jogos de manipulação. É interessante ver as artimanhas que ela cria para alcançar seus objetivos Ao mesmo tempo vemos essa mesma mulher empoderada, sendo vulnerável às questões da maternidade e estrangulando para encontrar caminhos de lidar com isso. Existem várias situações que podemos perceber que atrás daquela postura autoritária, existe uma mulher lidando com traumas e medos do passado — explica