Samba das Moças celebram 25 de julho com show no Theatro Municipal de São Paulo

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Grazzi Brasil, Bruna de Paula e Gabby Moura vão subir ao palco do Municipal (Foto: Divulgação)
Grazzi Brasil, Bruna de Paula e Gabby Moura vão subir ao palco do Municipal (Foto: Divulgação)

Resumo da Notícia:

  • Grazzi Brasil, Bruna de Paula e Gabby Moura vão subir ao palco do Municipal

  • O trio de cantora irá homenagear Dona Ivone Lara, Clara Nunes e Alcione

  • Adriana Lessa e bailarinas também irão participar do evento em São Paulo

O dia 25 de julho, Dia da Mulher Negra Latino-Americana e de Tereza de Benguela foi marcado com um show gratuito do grupo Samba das Moças, em tributo a Dona Ivone Lara, Clara Nunes e Alcione.

O evento aconteceu no Theatro Municipal de São Paulo nesta segunda -feira (25) com as cantoras Grazzi Brasil, Gabby Moura e Bruna de Paula, novas vozes do samba no país. A produção é da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, em parceria com a Fato Produções Artísticas.

“Samba das Moças” terá apresentação da atriz Adriana Lessa e participação das bailarinas Ágata Matos, Preta Kiran (Deise Santos), Leilane Teles e Safira Sacramento, coreografadas por Rafael Machado, em um número que trará a força de Tereza de Benguela, Rainha do Quilombo do Quariterê, em Mato Grosso, no século XVIII.

Também será lembrada a grande Tia Ciata, baiana do recôncavo, mão-de-santo de prestígio entre todos, até a presidência da República da época, que ajudou a criar, entre o fim do século XIX e o começo do XX, o que se chamou Pequena África, no centro do Rio de Janeiro, importante quilombo urbano, lugar onde o samba carioca pôde se firmar e desenvolver - duas grandes mulheres negras que revolucionaram a história da cultura brasileira.

O espetáculo tem direção geral e encenação de Iléa Ferraz e Jô Santana. A produção é da Fato Produções Artísticas, com direção de produção por Marcia Uchôa.

O show foi dividido em quatro blocos, abordando temas específicos: Samba Ancestral, Samba Político, Samba Amoroso e Samba é Sonho. Também contou com poemas da linguista e escritora mineira Conceição Evaristo, apresentados por Adriana Lessa entre os blocos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos