Samsung é acusada de propaganda enganosa por telefone resistente à agua

Um dos anúncios da Samsung mostrava uma foto debaixo do mar (Getty Image)
Um dos anúncios da Samsung mostrava uma foto debaixo do mar (Getty Image)
  • Samsung foi multada em R$ 50 milhões

  • O Tribunal Federal da Austrália entendeu que a propaganda induzia ao erro

  • Campanhas publicitárias mostrava o produto submerso

Muitas pessoas já passaram pela horrível sensação de deixar o telefone cair na água. Seja trocando a música no banho ou caindo da mão enquanto tenta tirar uma foto do mar, essas ocasiões podem significar dano irreparável ao aparelho.

A Samsung prometia acabar com esse problema nos modelos Galaxy A5, Galaxy S7 e Galaxy S8. As campanhas que circulavam entre 2016 e 2018 sugeria que os smartphones poderiam ser submersos até em piscinas e, mesmo assim, continuariam funcionando.

Contudo, os celulares possuem a certificação IP68 e não devem ser usados dessa forma. Isso significa que os modelos foram projetados para resistirem a submersão de, no máximo, 30 minutos a uma profundidade máxima de 1,5 m, apenas em água doce. Até mesmo o site da fabricante sul-coreana desaconselha a tentativa.

É por isso que a empresa foi multada em 14 milhões de dólares australianos (aproximadamente R$ 50 milhões) pelo Tribunal Federal da Austrália por propaganda considerada enganosa.

Um dos anúncios que circulava mostrava uma foto debaixo do mar, com uma mulher surfando, o que poderia levar o consumidor a pensar que o aparelho seria resistente a mergulhos na água.

A decisão judicial apontou que a campanha poderia levar ao mau uso do celular, uma vez que a água salgada do mar e o cloro da piscina, presentes nas peças publicitárias distribuídas na Austrália, poderiam danificar os aparelhos e corroer componentes importantes.

A presidente da Comissão Australiana de Concorrência e Consumidor (Australian Competition and Consumer Commission), Gina Cass Gottlieb, disse que a organização recebeu centenas de reclamações de usuários da Samsung, que se queixaram de danos em seus aparelhos após contato com água.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos