Sanofi ajudará a produzir 100 milhões de doses da vacina Pfizer/BioNTech

·1 minuto de leitura
Vacinação contra Covid-19

PARIS (Reuters) - A Sanofi ajudará a produzir e envasar milhões de doses da vacina contra Covid-19 da Pfizer a partir de julho na tentativa de ajudar a atender a procura imensa pelo produto da farmacêutica norte-americana.

A empresa francesa buscará ajudar a suprir mais de 100 milhões de doses da vacina neste ano por meio de sua fábrica alemã de Frankfurt, disse seu presidente-executivo, Paul Hudson, ao jornal Le Figaro nesta terça-feira.

A Pfizer e sua parceira alemã BioNTech estão tendo dificuldades para atender a demanda alta de vacinas, que são a melhor aposta do mundo para superar a pandemia --assim como outras fabricantes de vacinas contra Covid-19, como a AstraZeneca.

No mês passado, a Sanofi e a britânica GlaxoSmithKline disseram que uma vacina contra Covid-19 que estão desenvolvendo em conjunto mostrou uma reação imunológica insuficiente em idosos, o que adiou seu lançamento para o final deste ano.

Desde então, a empresa está sendo pressionada a buscar maneiras de ajudar com as vacinas contra Covid-19 criadas por outras farmacêuticas, já que a pandemia está se intensificando novamente na Europa e em outras partes do mundo.

A Sanofi também está trabalhando em outra candidata a vacina contra Covid-19 com a empresa norte-americana Translate Bio que usa tecnologia de RNA mensageiro, uma abordagem semelhante à da Pfizer/BioNTech. Os testes de estágio inicial devem começar neste trimestre.

Hudson confirmou na entrevista que a Sanofi continua comprometida com seus dois projetos de vacina.

(Por Matthias Blamont)