Santos espera vender dupla para aliviar cofres da Vila Belmiro

Antonio Mota

Em grave crise financeira, o Santos deve recorrer a venda de jogadores para conseguir aliviar os cofres da Vila Belmiro. Encurralado, o Alvinegro Praiano não tem dinheiro para conseguir pagar suas dívidas – que só aumentam –, incluindo os salários, e assim deve negociar atletas para manter a casa em dia.

Em seu balanço, conforme informações do GloboEsporte.com, o Peixe estimou arrecadar R$ 69 milhões com transferências de jogadores na temporada. Porém, até o momento, o clube conseguiu apenas R$ 10 milhões, com a venda de Felipe Aguilar para o Athletico-PR, e não tem previsão para novas negociações.   


Santos v Delfin - Copa CONMEBOL Libertadores 2020

Porém, apesar de não ter nenhuma confirmação, o Santos acredita que há ao menos dois jogadores em seu plantel que podem render uma boa quantia ao clube, sendo: o zagueiro Lucas Veríssimo e o atacante Yeferson Soteldo. A dupla é considerada o grande trunfo do time praiano.

“O objetivo da gente é negociar o Lucas Veríssimo, negociar com o exterior, porque ele mesmo merece. É um jogador que tenho grande admiração, é amigo, e entendo que chegou o momento dele”, comentou o presidente santista disse José Carlos Peres ao canal "Os Canalhas".


Santos v Delfin - Copa CONMEBOL Libertadores 2020

Até o momento, o Peixe recusou todas as propostas recebidas pelo defensor e também pelo atacante venezuelano. A expectativa é de que ambos sejam negociados para fora do Brasil e por valores muito maiores do que foram apresentados até agora.  Além da dupla, o Santos também espera lucrar bem com possível venda de Kaio Jorge.

Sem nenhuma oferta na mesa e com muitos problemas financeiros, acentuados pela pandemia do novo coronavírus, o clube praiano cortou 70% dos salários de funcionários e jogadores que ganhavam mais de R$ 6 mil.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.