BBB 21: Sarah e Gil ganham Prova do Líder após Pocah fazer "um pouco de xixi"

·3 minuto de leitura
A disputa teve mais de 13 horas de duração (Foto: Reprodução/Instagram @sarah_andrade)
A disputa teve mais de 13 horas de duração (Foto: Reprodução/Instagram @sarah_andrade)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após mais de 13 horas de disputa, Sarah e Gil venceram a Prova do Líder do BBB 21 nesta sexta (19). Os dois estão imunes e vão disputar entre eles quem fica com a liderança e quem ganha o carro zero. 

A dupla venceu após a desistência de Pocah e Juliette. Depois que Caio e Rodolffo foram eliminados por volta das 13h, porque o cantor urinou durante a dinâmica, Pocah começou a dizer que também tinha "feito um pouco de xixi". Apesar da insistência de Juliette para a funkeira seguir na disputa, Pocah afirmou que estava com peso na consciência e não poderia continuar. 

Leia também

Elas deixaram a dinâmica por volta das 13h15. Por terem sido os primeiros a desistir, Fiuk e Carla Diaz estão no Paredão. Eles saíram da dinâmica às 8h30 desta sexta (19). Um dos dois ainda pode se salvar da berlinda no domingo (21), quando disputam, ao lado do mais votado pela casa, o Bate e Volta. Horas após a desistência de Fiuk e Carla, às 11h, Viih Tube e Thaís abandonaram a Prova. Meia hora depois, foi a vez de Camilla de Lucas e João Luiz deixarem a dinâmica. 

RODOLFFO ELIMINADO POR FAZER XIXI 

Rodolffo e Caio foram desclassificados da disputa porque o cantor fez xixi durante a dinâmica. Por volta das 13h desta sexta (19), Tiago Leifert conversou com os brothers. "Três duplas desistiram porque não resistiram à prova de resistência, correto? Essa é uma prova de resistência, acho que a gente concorda nisso. Então, antes de tomar a decisão que eu tenho que tomar, eu gostaria de oferecer a vocês a oportunidade de me contar alguma coisa." Ele repetiu a pergunta para cada participante individualmente. Rodolffo admitiu que urinou. Já Juliette indagou se "pescar" seria permitido, porque ela havia cochilado. O apresentador afirmou que cada caso era avaliado individualmente. Na sequência, Leifert anunciou: "Rodolffo, pode soltar a alavanca, por favor. Rodolffo e Caio, eliminados". 

A PROVA 

Patrocinada por uma montadora de carros, a prova foi disputada em duplas. Uma das pessoas ficava sentada em um carro numa pista de testes simulada, e a outra tinha que segurar uma alavanca, que fazia os veículos se movimentarem. A alavanca deveria ficar acionada o tempo inteiro. A única hora em que ela podia ser solta era quando um cronômetro era acionado. Nesse momento, os dois membros da dupla deveriam trocar de lugar. Na noite de quinta (18), Tiago Leifert já havia dito para o público que a prova iria acabar no máximo na hora do programa de sexta-feira (19). Caso até lá, ainda existisse mais de uma dupla na disputa, uma nova dinâmica seria realizada. Por conta disso, a prova não iria superar outras dinâmicas de resistência já disputadas em outros BBBs. Kaysar Dadour e Ana Clara, do BBB 18, detêm o recorde de prova mais longa da história do reality. Eles resistiram por 42 horas e 58 minutos de pé, em uma plataforma giratória, protegidos por um cinto de segurança.

Veja mais: Thaynara OG fala sobre pressão estética e saúde mental no Yahoo Entrevista