SBT reprisa "Jô Soares Onze e Meia" em homenagem ao artista; saiba mais

SBT homenageia ícone do talk show brasileiro e exibe última edição do 'Jô Soares Onze e Meia'  (Foto: Divulgação Francisco Inácio/SBT)
SBT homenageia ícone do talk show brasileiro e exibe última edição do 'Jô Soares Onze e Meia' (Foto: Divulgação Francisco Inácio/SBT)

Resumo da Notícia:

  • SBT vai reprisar o primeiro talk-show de Jô Soares

  • Atração irá ao ar a partir de 1h, horário do 'The Noite e Danilo Gentili'

  • Humorista morreu aos 84 anos em São Paulo

Para homenagear Jô Soares, que morreu nesta sexta (5) aos 84 anos, o SBT mudou a sua programação. A emissora tirou do ar o "The Noite com Danilo Gentili" por um dia para reprisar o "Jô Soares Onze e Meia" (1988-1999), principal talk-show de fim de noite da TV brasileira nos anos 1980 e 1990. Foi este projeto que lançou o então humorista como um dos principais entrevistadores da TV.

O canal de Silvio Santos vai mostrar a última edição do programa, levada ao ar em 30 de dezembro de 1999 e que contou com Hebe Camargo (1928-2012), Gugu Liberato (1959-2019) e Carlos Alberto de Nóbrega. Além disso, o SBT vai reprisar o humorístico "Veja o Gordo", versão do "Viva o Gordo" que Jô Soares fez na Globo, na madrugada de domingo (7) dentro da faixa "Quem Não Viu, Vai Ver".

A pedido do próprio Jô Soares, a causa da morte não será divulgada, pois ele queria discrição nesse momento. O corpo do escritor deixou o hospital na manhã de hoje. O velório foi realizado para familiares e amigos próximos.

A carreira de Jô Soares no SBT

O programa de Jô Soares ganhou o nome de "Onze e Meia" porque, teoricamente, começaria às 23h30. Entretanto, o SBT sempre foi conhecido por alterar sua grade em função de Silvio Santos, e, por isso, o programa, às vezes, começava à meia-noite; outras, a 1h da madrugada, o que se tornou motivo de muitas anedotas por parte do próprio apresentador.

A atração foi lançada em 17 de agosto de 1988, como forma de comemorar o aniversário de sete anos da emissora. "Jô Soares Onze e Meia" tinha teor jornalístico e cobriu de forma combativa o impeachment do presidente Fernando Collor. A atração só terminou porque o artista voltou para a Globo, em 2000.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos