'Se Lula ganhar será magnífico', diz vice da Colômbia

Vice-presidente da Colômbia, Francia Márquez (Foto: Chepa Beltran/Long Visual Press/Universal Images Group via Getty Images)
Vice-presidente da Colômbia, Francia Márquez (Foto: Chepa Beltran/Long Visual Press/Universal Images Group via Getty Images)

A vice-presidente da Colômbia, Francia Márquez, afirmou em entrevista divulgada nesta quinta-feira (28) que se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ganhar a eleição presidencial deste ano “será magnífico”.

Advogada e ativista ambiental, ela será a primeira mulher negra a ocupar um cargo tão alto na Colômbia. Gustavo Petro, eleito presidente em junho, tomará posse no dia 7 de agosto como primeiro presidente de esquerda da história do país.

Francia Marques se encontrou com Lula na terça (26), em São Paulo. Ela também se reuniu com lideranças de movimentos negros, do MST, do PSOL e lideranças LGBTQIA+, e foi para o Rio de Janeiro.

Segundo a colombiana, se Lula ganhar será magnífico “porque não somente vamos nos articular entre movimentos sociais, mas também com um governo que terá agendas muito semelhantes às que impulsionaremos a partir da Colômbia”, disse ela ao jornal Folha de S. Paulo.

A vice de Petro afirmou que quer a vitória do ex-presidente porque acredita que ele é o único que “levou em consideração os direitos da população negra no Brasil”.

“Um país em que mais de 50% das pessoas são negras tem que pensar em políticas de governo a favor dessa população”, afirmou.

Sobre a possibilidade de o presidente Jair Bolsonaro (PL) não respeitar o resultado das eleições caso Lula vença, Francia Marques disse esperar que tudo ocorra de maneira democrática e tranquila. E, falou, se o processo democrático não for respeitado, haverá uma violação aos direitos humanos.

“Se isso ocorrer, vocês, brasileiros, teriam que ver em primeiro lugar o que fazer. E nós levantaríamos a nossa voz a favor da democracia na região, a favor da paz, a favor da garantia dos direitos humanos com todo o respeito que cada governo e cada país merece.”

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos