Secretário do DF disse antes de invasão ter negociado com golpistas entrada pacífica na Esplanada

***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 19.10.2021 - O ex-ministro da Justiça Anderson Torres. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 19.10.2021 - O ex-ministro da Justiça Anderson Torres. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Pouco antes da invasão e da destruição da sede dos Três Poderes, o secretário de Segurança Pública em exercício do Distrito Federal enviou mensagens ao governador Ibaneis Rocha (MDB) afirmando que estava "tudo tranquilo", e que a manifestação era "totalmente pacífica".

No áudio, Fernando de Sousa Oliveira diz que a secretaria negociou com os manifestantes que estavam acampados em frente ao quartel-general do Exército para que eles fossem até a Esplanada dos Ministérios de forma "pacífica" e "organizada".

O secretário afirma ainda que os policiais tinham combinado de acompanhar o grupo durante a caminhada entre o QG do Exército e a Praça dos Três Poderes, onde estão o Congresso, o Palácio do Planalto e o STF (Supremo Tribunal Federal). O percurso tem aproximadamente 8 km.

O delegado diz também que aproximadamente 150 ônibus estavam no Distrito Federal. Segundo ele, a inteligência do GDF estava monitorando a situação e não havia "nenhum informe de questão de agressividade". A informação foi divulgada pelo portal Metrópoles e confirmada pela Folha de S.Paulo.

"Governador, [vou] passar o último informe, do meio-dia, para o senhor. Tudo tranquilo. Os manifestantes estão descendo do SMU [Setor Militar Urbano], controlado, escoltado pela polícia. Tivemos uma negociação para eles descerem de forma pacífica, organizada, acompanhada. Toparam", diz.

"Está um clima bem tranquilo, bem ameno. Uma movimentação bem suave. E a manifestação totalmente pacífica. Até agora. Nossa inteligência está monitorando e não há nenhum informe de questão de agressividade, ligada a esse tipo de comportamento."

O delegado Fernando de Sousa Oliveira é o número dois da pasta, mas está à frente da secretaria porque o antigo titular, Anderson Torres, passa férias nos Estados Unidos. Anderson Torres foi exonerado neste domingo (8) após a destruição dos prédios públicos.

Íntegra da transcrição do áudio enviado pelo secretário de Segurança do DF em exercício "Governador, bom dia. Delegado Fernando falando. Governador, [vou] passar o último informe, do meio dia para o senhor. Tudo tranquilo. Os manifestantes estão descendo do SMU [Setor Militar Urbano], controlado, escoltado pela polícia. Tivemos uma negociação para eles descerem de forma pacífica, organizada, acompanhada. Toparam. Não precisou conter lá em cima ônibus. É um ou outro ônibus que vai descer. Se descer perto da rodoviária, eles desembarcam ali na alça leste e seguem acompanhados pela Polícia Militar. Está um clima bem tranquilo, bem ameno. Uma movimentação bem suave. E a manifestação totalmente pacífica. Até agora. Nossa inteligência está monitorando e não há nenhum informe de questão de agressividade, ligada a esse tipo de comportamento. Esse é o último informe para o senhor. Tem aproximadamente 150 ônibus já no DF, mas todo mundo de forma ordeira e pacífica. No final da tarde eu passo outro informe para o senhor."