Secretário-geral da ONU cobra engajamento de prefeitos brasileiros

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Em mensagem enviada aos prefeitos brasileiros, o secretário-geral da ONU, António Guterres, cobrou engajamento dos municípios na agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável. O plano prevê 17 metas locais para o enfrentamento da pobreza e das mudanças climáticas.

O vídeo gravado por Guterres será exibido na terça-feira (25), em Brasília, durante a abertura oficial da quarta edição do EMDS (Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável), organizado pela FNP (Frente Nacional de Prefeitos).

O encontro será comandado pelo presidente da FNP, o ex-prefeito de Belo Horizonte Márcio Lacerda (PSB), e acontecerá de segunda (24) a sexta-feira (28).

O presidente Michel Temer e alguns de seus ministros são esperados no evento, que contará com oficinas em parceria com o governo federal para orientar prefeitos e gestores municipais no âmbito de execução orçamentária, por exemplo.

Entre os temas a serem discutidos durante a semana estão saneamento, mobilidade urbana, segurança, saúde e meio ambiente.

O objetivo da FNP é reunir a nova geração de prefeitos para debater alternativas para enfrentar a crise fiscal nos municípios. Para os simpósios, salas temáticas e debates são esperados, além dos prefeitos, governadores, parlamentares e integrantes do Judiciário.

Segundo o secretário-geral da ONU, "a construção de cidades inclusivas e sustentáveis é um dos maiores desafios do século".

"O futuro do planeta é responsabilidade de cada um de nós. Não podemos deixar que as futuras gerações sofram pelo que deixamos de fazer hoje", afirma Guterres no vídeo enviado aos prefeitos.

Em 2015, quando foi realizada a terceira edição do encontro, o EMDS reuniu cerca de 9,5 mil pessoas, sendo 512 prefeitos.