Secretário-geral da ONU visita áreas devastadas por inundações no Paquistão

Por Asif Shahzad

ISLAMABAD (Reuters) - O secretário-geral da Organização das Nações Unidas, António Guterres, visitou neste sábado várias áreas do Paquistão devastadas por inundações, encerrando uma viagem de dois dias com o objetivo de aumentar a conscientização sobre o desastre.

Chuvas de monções recordes e o derretimento das geleiras nas montanhas do norte têm provocado inundações que já mataram mais de 1.391 pessoas, varrendo casas, estradas, ferrovias, pontes, gado e plantações.

Grandes áreas do país estão inundadas e centenas de milhares de pessoas foram forçadas a deixar suas casas. O governo diz que as vidas de quase 33 milhões de pessoas foram impactadas. O Paquistão estima um dano de 30 bilhões de dólares, e tanto o governo quanto Guterres atribuem as inundações às mudanças climáticas.

"É difícil não se sentir profundamente comovido ao ouvir descrições tão detalhadas da tragédia", disse Guterres após desembarcar em Sindh, de acordo com um vídeo divulgado pelo gabinete do primeiro-ministro paquistanês, Shehbaz Sharif.

Um vídeo divulgado pelo ministro da Informação, Marriyum Aurangzeb, mostra Guterres sentado ao lado de Sharif observando as áreas danificadas pelas inundações através da janela de uma aeronave. "Inimaginável", disse Guterres, avaliando os danos.

(Tradução Redação Brasília, 55 11 5047-2695); REUTERS BC)