Segundo turno em São Luís: Duarte Jr. garante que não fará demissões na saúde se for eleito

Redação Notícias
·2 minuto de leitura
Duarte Jr. garante que não fará demissões na saúde se for eleito. (Foto: Reprodução/Twitter)
Duarte Jr. garante que não fará demissões na saúde se for eleito. (Foto: Reprodução/Twitter)

Candidato do Republicanos à prefeitura de São Luís (MA), Duarte Jr. usou as redes sociais nesta quinta-feira para comunicar-se com seus eleitores. Em breve pronunciamento, garantiu que não realizará demissões na saúde se alcançar o cargo.

“Se estamos propondo ampliação de cobertura e extensão de horário na saúde, isso significa que não haverá demissões. Pelo contrário, eu garanto que ampliaremos o nosso quadro de profissionais”, escreveu em sua página no Twitter.

Duarte Jr. pediu valorização aos profissionais da área em um momento tão complicado quanto este de pandemia. “Queremos um SUS forte: pra quem faz e pra quem usa! A sua melhoria passa necessariamente pela valorização de todos os trabalhadores da saúde, seja da atividade-fim ou da atividade-meio.”

Leia também

O candidato do Republicanos avançou ao segundo turno com o segundo melhor resultado, ao obter 22,15% dos votos. Seu adversário, Eduardo Braide, do Podemos, teve 37,81%.

Eleições em São Luís

Os pouco menos de 700 mil eleitores aptos a votarem em São Luís, capital do Maranhão, vão decidir no segundo turno o novo prefeito. Eduardo Braide (Podemos) e Duarte Júnior (Republicanos) vão protagonizar disputa.

Braide é advogado e teve 37.81% dos votos válidos no primeiro turno. Está no primeiro mandato como deputado federal e já foi deputado estadual por outros dois mandatos. Esta é a segunda vez que ele tenta ser prefeito da capital maranhense

Já Duarte, que teve 22.15% dos votos válidos, é novo na política, na qual começou apenas em 2017, e nunca teve cargos públicos eletivos. Se destacou como presidente do Procon do Maranhão.

Eleições municipais em todo país

As Eleições 2020 moveram praticamente todo país neste domingo. Por conta do coronavírus, essa foi uma eleição diferente, com horários estendidos e mais critérios de segurança sanitária.

Uma questão que levanta muitas dúvidas ao longo processo é o famoso coeficiente eleitoral. Bem resumidamente, é a divisão do número de eleitores pelo número de vagas (nós explicamos com detalhes AQUI). Cada cidade, então, tem seu coeficiente eleitoral.

Caso não esteja presente na cidade onde você está apto para votar, é possível justificar seu voto. Para saber como, siga nosso guia clicando AQUI.

O que faz um prefeito?

O Estado se divide em três poderes o Executivo, Legislativo e Judiciário, e o prefeito é o chefe do Poder Executivo. Ou seja, é responsabilidade do prefeito administrar a cidade que exerce suas funções. Para mais detalhes da função CLIQUE AQUI e para saber quanto ganha um prefeito, CLIQUE AQUI.