Segurança chama publicitária de 'imbecil' e manda ela 'lavar roupa' em discussão por conta de cachorro em shopping

Extra
·1 minuto de leitura
Foto: Reprodução/Instagram

A publicitária Giuliana Santos fez uma denúncia nas redes sociais após ter sido vítima de insultos machistas por parte de um segurança do Shopping 5º Avenida em Belo Horizonte, Minas Gerais. A discussão ocorreu após ela ter entrado no estabelecimento comercial com seu cachorro, Nino, em uma bolsa.

Giuliana conta que frequenta o shopping há 15 anos, e já foi várias vezes com o cachorro ao local que se dizia "pet friendly". Segundo ela, a regra teria mudado recentemente, mas não foi bem comunicada, o que gerou um mal-entendido e, posteriormente, a discussão e os insultos com o funcionário.

— Me chamou de imbecil, e me perguntou se eu não tinha nada para fazer. Depois disso, quando eu disse que reportaria à administração ele me disse “vamos lá agora!” e me perseguiu pelo shopping. Certo de que não tinha nada a temer porque nada iria ser feito contra ele, como de fato aconteceu. Um pesadelo! — contou nas redes sociais.

Veja o vídeo:



Giuliana disse ainda que entrou em contato com o gerente de marketing do shopping e recebeu como resposta que "foram tomadas medidas internas" e que ele "não tinha mais que te dizer”.

Procurada, a administração do Shopping 5º Avenida ainda não respondeu demanda do EXTRA sobre o caso.