Segurança do STF e PM conseguem retomar prédio da corte, diz assessoria do Supremo

Apoiadores de Bolsonaro invadem prédios em Brasília durante protesto

BRASÍLIA (Reuters) - A equipe de segurança do Supremo Tribunal Federal (STF) e a Polícia Militar conseguiram retomar o prédio do STF após radicais bolsonaristas terem invadido o edifício e depredado o interior do local mais cedo neste domingo, informou a assessoria da corte.

Ainda segundo a assessoria, algumas pessoas estão presas na garagem do prédio.

Radicais bolsonaristas invadiram também o Palácio do Planalto e o Congresso Nacional, num episódio que remete à invasão do Capitólio de Washington, sede do Legislativo norte-americano, em 6 de janeiro de 2021, por apoiadores do então presidente dos Estados Unidos, o republicano Donald Trump, para tentar impedir a certificação da vitória eleitoral do democrata Joe Biden na eleição presidencial de 2020.

(Reportagem de Ricardo Brito)