Seis linhas de ônibus voltam a circular no Rio a partir de segunda-feira

O prefeito Eduardo Paes anunciou nesta sexta-feira, em publicação nas redes sociais, a volta da circulação de seis linhas de ônibus nas ruas do Rio a partir da próxima segunda (6). Nesta segunda etapa de recuperação das linhas, serão beneficiadas regiões dos quatro consórcios de ônibus.

"Seguiremos transformando o sistema de ônibus na cidade. Com aporte de recursos do município, mantivemos a passagem em R$4,05 e faremos com que a população passe a ter um transporte digno. Estamos de olho e acompanhado de perto", escreveu o prefeito no Twitter.

A primeira etapa da volta das linhas de ônibus na cidade, resultado de novo acordo da prefeitura com os empresários do setor, aconteceu nesta quarta-feira, com a retomada de 11 itinerários. Outras linhas devem ser recuperadas neste mês.

Segundo o acordo, os consórcios receberão um valor adicional pelo serviço efetivamente prestado com base no quilômetro rodado. A quilometragem será aferida pela prefeitura meio de GPS. Caso a linha não rode a quilometragem mínima exigida, não receberá o subsídio.

As novas linhas chegam para minimizar as reclamações sobre a qualidade do serviço de ônibus oferecido no Rio. Para se ter uma ideia, apenas entre janeiro do ano passado e abril deste ano, foram feitas 12.830 reclamações ao canal 1746. A maioria das queixas era justamente em relação à falta de veículos nas linhas, com mais de 5.800 registros.

Uma reportagem do EXTRA publicada em março deste ano mostrava que, de acordo com dados da Secretaria municipal de Transportes, das 494 linhas cadastradas, 192 haviam sumido das ruas (39%) e 71 (14%) eram consideradas críticas.

Confira as linhas que voltam a circular nesta primeira semana:

Consórcio Santa Cruz

892 - São Benedito x Santa Cruz

851 - Campo Grande x Escola Amazonas

Consórcio Internorte

665 SVA - Pavuna x Saens Peña

Consórcio Transcarioca

817 - Piabas x Terminal Recreio

Consórcio Intersul

201 - Santa Alexandrina x Castelo

448 - Maracaí x São Conrado

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos