Seis meses após 1ª aplicação, Brasil tem 15,7% da população vacinada

·2 minuto de leitura
SAO PAULO, BRAZIL - JUNE 18: A health worker prepares a CoronaVac vaccine against COVID-19 during an immunization campaign for people at José Marcílio Malta Cardoso Basic Health Unit on June 18, 2021 in Sao Paulo, Brazil. According to official figures released by the Health Minister, the death toll in Brazil is approaching half a million victims. President Jair Bolsonaro faces a probe as the country undergoes the second-deadliest COVID-19 outbreak outside of the United States. Protests are being held against the Copa America, which is being played in four Brazilian cities amid a surge in cases and deaths.  (Photo by Rodrigo Paiva/Getty Images)
SAO PAULO, BRAZIL - JUNE 18: A health worker prepares a CoronaVac vaccine against COVID-19 during an immunization campaign for people at José Marcílio Malta Cardoso Basic Health Unit on June 18, 2021 in Sao Paulo, Brazil. According to official figures released by the Health Minister, the death toll in Brazil is approaching half a million victims. President Jair Bolsonaro faces a probe as the country undergoes the second-deadliest COVID-19 outbreak outside of the United States. Protests are being held against the Copa America, which is being played in four Brazilian cities amid a surge in cases and deaths. (Photo by Rodrigo Paiva/Getty Images)
  • O Brasil vacinou 15,7% da população com as duas doses ou a dose única da vacina contra a Covid-19

  • O percentual é inferior ao de países como Estados Unidos, Reino Unido e Israel

  • Neste sábado (17), o Brasil completa seis meses da primeira aplicação da Coronavac

O Brasil completa neste sábado (17) seis meses do início da vacinação contra o coronavírus. O país conta com apenas 15,7% da sua população completamente imunizada com as duas injeções ou com a dose única.

Segundo dados da OurWorldInData publicados pelo portal G1, o Brasil encontra-se em situação pior do que países como Estados Unidos, Reino Unido e Israel no percentual da população completamente protegida contra o vírus.

Leia também:

Em seis meses, os Estados Unidos imunizaram 43,33% de seus habitantes contra a Covid-19. A taxa é maior em Israel (44,15%) e Reino Unido (61,42%).

A China, primeiro epicentro da pandemia de coronavírus, aplicou 1 bilhão de doses, o que representa 15% da população.

Os países escolhidos para esta comparação foram os primeiros a iniciar uma campanha de vacinação em massa, todos dentro da mesma semana, entre 13 e 20 de dezembro de 2020. O Brasil começou cerca de um mês depois, em 17 de janeiro.

Entre os países analisados, apenas o Brasil manteve uma tendência de alta do número de mortes, durante estes seis meses de campanha.

A campanha de vacinação começou em 17 de janeiro, com a aplicação da primeira dose da Coronavac na enfermeira Mônica Calazans, de São Paulo, logo após a aprovação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para o uso emergencial do imunizante.

Desde então, mais de 120 milhões de doses desta e de outras vacinas contra a Covid-19 foram aplicadas nos braços dos brasileiros em meio ano de campanha nacional de imunização.

O Brasil ainda precisa aplicar 200 milhões de doses para imunizar toda a população com mais de 18 anos contra a Covid-19 (parcela que abrange cerca de 160 milhões de habitantes do país), segundo estimativa feita por pesquisadores da USP e UFRJ.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos