Seis pessoas morrem em naufrágio em Trípoli, diz ministro libanês

·1 min de leitura
Pessoas ficam perto de macas no porto de Trípolo depois de naufrágio na costa libanesa

TRÍPOLI (Reuters) - Seis pessoas morreram quando um barco virou na costa libanesa de Trípoli durante a noite, incluindo pelo menos uma criança, disse o ministro dos Transportes libanês, Ali Hamie, à Reuters.

O pequeno bote que transportava cerca de 60 pessoas afundou na costa na noite de sábado com libaneses e sírios a bordo.

Hamie disse à Reuters que o corpo de uma menina foi recuperado na noite de sábado e que o exército retirou outros cinco na manhã deste domingo.

O exército disse anteriormente que o navio deixou a costa ilegalmente. Em uma coletiva de imprensa neste domingo, o exército disse que forças das marinha colidiram com o bote enquanto o contrabandista responsável tentava fugir dos militares.

"Os militares libaneses salvaram pelo menos 47 pessoas, mas não sabemos quantas mais estão desaparecidas porque não sabemos o número total de pessoas a bordo", disse Hamie.

As tensões aumentaram em Trípoli neste domingo, com os parentes das vítimas se reunindo em uma multidão agitada do lado de fora dos hospitais, onde os feridos no naufrágio estavam recebendo tratamento.

(Por Walid Saleh, Maya Gebeily and Laila Bassam)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos