Sem comorbidade, jovem de 22 anos morre de Covid-19 à espera de transferência para UTI

·1 minuto de leitura
Garota não resistiu às complicações da Covid-19 - Foto: Reprodução/Rede Sociais
Garota não resistiu às complicações da Covid-19 - Foto: Reprodução/Rede Sociais
  • Jéssica da Silva Sinn não resistiu às complicações da Covid-19 e morreu na segunda-feira

  • A jovem de apenas 22 anos estava internada há três dias, mas seu quadro agravou rapidamente

  • A garota estava à espera de transferência para a UTI de outro hospital quando não resistiu

Jéssica da Silva Sinn tornou-se uma das mais de 465 mil vítimas fatais da Covid-19 no Brasil. A jovem de apenas 22 anos não resistiu às complicações da doença e, mesmo sem comorbidades, morreu na última segunda-feira, em Presidente Getúlio, Santa Catarina.

Leia também

De acordo com informações do G1, Jéssica estava há apenas três dias internada no Hospital e Maternidade Maria Auxiliadora. Ela deu entrada na sexta-feira com sintomas da doença, mas seu quadro agravou rapidamente.

A jovem seria transferida para um outro centro médico na segunda, uma vez que o hospital em que estava não possui UTI. Ela foi levada para uma sala de emergência, mas, enquanto aguardava a chegada da ambulância, não resistiu.

Jéssica juntou-se às mais de 465 mil vítimas fatais da pandemia (Mauro Pimentel/AFP via Getty Images)
Jéssica juntou-se às mais de 465 mil vítimas fatais da pandemia (Mauro Pimentel/AFP via Getty Images)

Dados da prefeitura de Presidente Getúlio apontam que Jéssica foi a 30ª vítima fatal da Covid-19 na cidade de pouco mais de 16 mil habitantes. São, também, 1,5 mil casos da doença no município.

Jovem era recém-formada

Jéssica havia se formado a menos de um ano no curso de publicidade e propaganda da Fundação Universidade Regional de Blumenau (Furb). Por conta da pandemia, a colação da garota, em agosto do ano passado, aconteceu on-line.

A morte da jovem gerou comoção entre os habitantes de Presidente Getúlio. “Como te falei na nossa última conversa: ‘Te amo! Te amo!’. Para todo sempre, a nossa Jé. Como é grande o meu amor por você”, escreveu uma amiga nas redes sociais.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos