Sem Datena, Márcio França dispara como favorito para o Senado

Marcio França (PSB) deve desistir de disputar o governo de São Paulo e apoiar a candidatura de Fernando Haddad (PT), candidato de Lula e Alckmin. (Foto: Divulgação/Governo de São Paulo)
Marcio França (PSB) deve desistir de disputar o governo de São Paulo e apoiar a candidatura de Fernando Haddad (PT), candidato de Lula e Alckmin. (Foto: Divulgação/Governo de São Paulo)

Com a desistência do apresentador José Luiz Datena (PSC) de concorrer ao Senado, Márcio França (PSB) ganhou força como favorito ao cargo no estado de São Paulo. No pior dos cenários, França tem 27% das intenções de voto, contra 13% do segundo colocado, Paulo Skaf (Republicanos). Os dados estão na nova pesquisa Genial/Quaest, divulgada nesta quinta-feira (7).

A candidatura de França ao Senado ainda não está oficializada, mas o anúncio deve acontecer no sábado (9), em um evento em Diadema com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Fernando Haddad (PT) e Geraldo Alckmin (PSB).

Apesar da ampla vantagem de Márcio França para o segundo colocado, o índice de pessoas que ainda pensam em votar branco, nulo ou não pretendem votar é alta e, em um dos cenários, chega a 25%. Os indecisos somam 9%.

O levantamento Genial/Quaest foi feito entre os dias 1 e 4 de julho, já sem o nome de Datena entre as opções. Foram ouvidas 1640 pessoas, por meio de entrevistas face-a-face. A margem de erro é de 2,4 pontos percentuais.

Veja como ficam os cenários de intenções de voto para Senador:

Cenário I

  • Márcio França: 27%

  • Paulo Skaf: 13%

  • Carla Zambelli: 9%

  • Janaína Paschoal: 7%

  • Milton Leite: 5%

  • Aldo Rebelo: 3%

  • José Anibal: 1%

  • Professor HOC: 1%

  • Nise Yamaguchi: 1%

  • Ricardo Mellão: 1%

  • Branco/nulo/não pretende votar: 20%

  • Indecisos: 9%

Cenário II

  • Márcio França: 30%

  • Paulo Skaf: 14%

  • Carla Zambelli: 10%

  • Janaína Paschoal: 8%

  • Aldo Rebelo: 3%

  • José Anibal: 2%

  • Branco/nulo/não pretende votar: 19%

  • Indecisos: 9%

Cenário III

  • Márcio França: 42%

  • Janaína Paschoal: 15%

  • Aldo Rebelo: 6%

  • José Anibal: 4%

  • Branco/nulo/não pretende votar: 25%

  • Indecisos: 9%

Apoio entre eleitores de Haddad e Garcia

Márcio França deve integrar a chapa de Fernando Haddad e, assim, a maior intenção de voto do candidato é entre os eleitores do petista, com 37%. No entanto, há também uma alta aceitação de França entre os eleitores de Rodrigo Garcia, 29%.

Entre os eleitores de Tarcísio de Freitas, França tem 13%, Paulo Skaf, 12%, e as favoritas entre os bolsonaristas são Carla Zambelli, com 36%, e Janaína Paschoal, 16%.

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos