Sem evidências, Ciro ataca saúde de Lula: “Está fraco”

Desde o debate de domingo, Ciro Gomes tem optado pela estratégia de atacar Lula (REUTERS/Adriano Machado/REUTERS/Ueslei Marcelino)
Desde o debate de domingo, Ciro Gomes tem optado pela estratégia de atacar Lula (REUTERS/Adriano Machado/REUTERS/Ueslei Marcelino)

Repetindo a estratégia do debate entre presidenciáveis na noite do último domingo (28), Ciro Gomes (PDT) voltou a atacar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Sem provas, o pedetista publicou uma prova de Lula e afirmou que ele está “cada dia mais fraco”.

“Será que não entendem que Lula está cada dia mais fraco – psicologicamente e teoricamente – para enfrentar a direita sanguinária?”, escreveu Ciro nas redes sociais, junto a uma foto do ex-presidente.

Ciro, no entanto, fez a acusação sobre uma suposta fragilidade do petista sem qualquer evidência ou prova e rendeu críticas nas redes sociais. Depois, a publicação foi apagada.

Durante o debate, o candidato do PDT já havia endereçado diversas críticas a Lula, mas não havia atacado o ex-presidente do ponto de vista da saúde. Eleitores de esquerda questionam a estratégia e apontam mais cordialidade de Ciro Gomes com Jair Bolsonaro (PL) do que com Lula, de quem foi ministro.

Veja como foram as últimas pesquisas eleitorais de 2022:

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)