Sem marcar há oito meses, Lucas tem pior início de temporada no Tottenham

·2 min de leitura
Lucas Moura em ação pelo Tottenham. Foto: Tottenham Hotspur FC via Getty Images
Lucas Moura em ação pelo Tottenham. Foto: Tottenham Hotspur FC via Getty Images

Londres (ING)

Lucas definitivamente não vive um bom momento no Tottenham. O brasileiro foi titular na maior parte dos jogos, mas não ainda não conseguiu transformar as oportunidades em bons desempenhos dentro das quatro linhas - assim como a própria equipe, que vive um período irregular sob o comando de Nuno Espírito Santo. Para piorar, o meia-atacante não balança as redes há oito meses.

Lucas já entrou em campo em 11 jogos na atual temporada, sendo titular em nove e somando 706 minutos jogados, ou seja, uma média de 64 por partida. No entanto, o brasileiro ainda não marcou - conta apenas com uma assistência, sendo contra o NS Mura, modesta equipe da Eslovênia, pela Uefa Conference League. É a primeira vez que ele passa tantos jogos no começo da temporada sem gols.

Leia também:

Nas últimas duas temporadas completas, Lucas teve até menos minutos dentro de campo, 567 e 494 minutos, mas, mesmo assim, conseguiu um melhor aproveitamento. Em 2020/21, nos mesmos 11 jogos, marcou três vezes, além de uma assistência. Já em 2019/20, foram dois gols e outro passe decisivo.

Em 2018/19, Lucas viveu o melhor começo de temporada com a camisa do Tottenham. Sob o comando de Mauricio Pochettino, hoje no Paris Saint-Germain, foi titular em 11 dos 10 primeiros jogos, 872 minutos, marcando também três vezes. No entanto, o brasileiro ficou marcado por decidir uma partida contra o Manchester United, em Old Trafford, com dois gols.

Mesmo se voltarmos no tempo, no meio da temporada de 2017/18, quando Lucas foi contratado pelo Tottenham, recém-chegado, com as dificuldades de adaptação, ele ainda foi capaz de entrar em campo 11 vezes e, ainda com menos minutos que em todas as outras temporadas (457), ele ainda contribuiu com um gol e quatro assistências.

Após a derrota no mês passado para o Arsenal, Lucas ainda disparou contra o sistema de jogo - declarações vistas pela imprensa inglesa como um ataque à proposta montada pelo técnico português.

"Nós não tentamos jogar, não tentamos ter a posse de bola. Temos qualidade para propor o jogo, para fazer mais do que temos feito, mas são tantas bolas longas... Precisamos correr mais, ser mais agressivos", disse o brasileiro ainda no Emirates Stadium.

OITO MESES SEM MARCAR

O último gol marcado por Lucas aconteceu há oito meses, mais precisamente em fevereiro deste ano, no duelo contra o Burnley, válido pela 26ª rodada do Campeonato Inglês de 2020/21. De lá para cá, o brasileiro atuou em mais 24 partidas, somando apenas quatro assistências neste período.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos