Sem Pyong, Antonella sofre muito no exílio: “Me sinto mal como pessoa”

·2 minuto de leitura
Antonella sofreu as consequências do seu jogo (Foto: Reprodução/RecordTV)
Antonella sofreu as consequências do seu jogo (Foto: Reprodução/RecordTV)

Chegou a hora de Antonella sofrer as consequências da sua estratégia de jogo. A ex-BBB, que se aliou a Pyong na "Ilha Record", perdeu o Desafio de Sobrevivência nesta quinta-feira (26) e foi levada para o exílio. Por lá, ela encontrou seus inimigos e sofreu muito com a recepção carregada de ódio dos outros eliminados.

A estadia de Antonella no exílio será mostrada com detalhes no episódio desta sexta-feira (27), mas a Record adiantou o pesadelo que a loira viverá nas chamadas. Aos prantos, a argentina diz em depoimento que não está se sentindo bem. "Não consigo comer, estou com muita dor de cabeça, estou começando a me sentir mal como pessoa", desabafa.

Leia também:

Sentada no chão enquanto todos estão nas cadeiras, Antonella ainda aparece com as mãos no rosto e Nanah comenta a situação: "Ninguém destratou ninguém, só falamos verdades".

Os exilados estavam com muito ranço da ex-BBB pela aliança com Pyong e uma falsa amizade com os outros participantes ao mesmo tempo. O que também pesou para que todos se irritassem com a argentina foi o excesso de carinho com Pyong mesmo sabendo que o mágico era casado.

Thomaz chegou a dizer que se sentiu mal com a falta de respeito e faria questão de dizer isso na cara dela. Lucas Selfie falou que os dois se preocuparam tanto com as alianças do jogo que esqueceram as alianças dos dedos. Nadja, que é mais próxima dos dois, tentou alertar algumas vezes e não foi ouvida.

Aqui fora, Pyong ficou solteiro por causa da "amizade" com Antonella. A princípio, Sammy defendeu o marido e afirmou que ele sofreu "tentações do diabo". Conforme o programa foi mostrando o que de fato aconteceu, a influenciadora foi se decepcionando e resolveu anunciar o término do relacionamento.

"Vocês sabem o quanto eu tentei, o quanto errei em mentir para mim, para salvar esse casamento. Jesus, o que eu faço? Entrego minha vida em tuas mãos, Deus, por favor não deixa meu filho sentir a dor. Filho, escrever isso com você no colo é doloroso demais. Sim, meu casamento chegou ao fim. Me faltam forças para digitar mais alguma coisa", disse Sammy na ocasião.

Segundo o UOL, no entanto, Pyong e Sammy estão em um retiro espiritual em Minas Gerais desde quinta-feira (19). Apesar de hospedados em quartos separados, eles foram para o local "reconstruir o relacionamento com Cristo".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos