Senador médico dá 'aula' para Nise em CPI e diz que declarações dela sobre tratamento precoce são 'levianas'

·1 minuto de leitura

RIO — Durante depoimento à CPI da Covid, o senador Otto Alencar (PSD-BA), que é médico, apontou falhas e rebateu declarações de Nise Yamaguchi sobre tratamento precoce. Ele as classificou como “levianas”.

— Como é que a senhora, com a responsabilidade que tem, diz que tratou 370 e tantos doentes, sem comprovar os doentes, sem mostrar os exames? Isso é leviano! Não dá para dizer que tratou e não apresentar comprovação — disse.Alencar também apresentou estudou do Hospital Israelita Albert Einstein em que mostra a ineficácia da cloroquina no tratamento à Covid-19.

— A senhora apostou numa droga que poderia dar certo ou não. Essa é a grande realidade e a ciência, doutora, por mais que a senhora seja formada e tenha cursos, não admite isto de se apostar no escuro, querer testar uma droga para ver se dá certo ou errado — apontou o senador na sessão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos