Senador Reguffe cobra Podemos e quer partido na oposição ao governo de Jair Bolsonaro

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O senador Reguffe (Podemos-DF) cobrou uma posição mais dura em relação ao governo de Jair Bolsonaro no grupo de senadores do partido no WhatsApp.

Em nota após o 7 de Setembro, as bancadas no Congresso e a presidente nacional, Renata Abreu, descartaram aderir ao impeachment do presidente e colocaram o Podemos como independente.

“O partido precisa ter posição. E a posição deveria ser de oposição ao governo Bolsonaro”, disse Reguffe.

Na última semana, o PSDB se declarou oposição e, assim como o PSD, iniciaram debates sobre a intenção de aderir ao pedido de impeachment do presidente.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos