Senadores dos EUA anunciam doação de vacina anticovid em Taiwan

·2 minuto de leitura
Taiwan tem lutado para obter vacinas suficientes para sua população de 23 milhões

Uma delegação de três senadores americanos chegou, neste domingo (6), a Taiwan, onde anunciaram que Washington vai doar 750 mil doses de vacinas contra o coronavírus ao seu aliado.

Os legisladores deram a notícia quando Taiwan acusa a China de impedir o acesso a doses suficientes de vacinas como parte da campanha de Pequim para manter Taipé isolado.

Os senadores democratas Tammy Duckworth e Christopher Coons e o republicano Dan Sullivan chegaram ao aeroporto de Taipei em um avião militar dos EUA.

"Estamos aqui como amigos, porque sabemos que Taiwan enfrenta um momento desafiador. Por isso é especialmente importante que nós três estejamos aqui de forma bipartidária", declarou a senadora Duckworth.

"É importante para os Estados Unidos que Taiwan seja incluído no primeiro grupo a receber vacinas, porque reconhecemos sua necessidade urgente", acrescentou.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou na semana passada que seu país doará cerca de 25 milhões de doses de vacinas a países que delas necessitam, principalmente por meio do programa internacional Covax.

Washington é o principal aliado de Taipé, embora não mantenha relações diplomáticas plenas com Taiwan, porque reconhece oficialmente a China, que considera a ilha parte integrante do seu território.

O ministro das Relações Exteriores de Taiwan, Joseph Wu, afirmou que seu país "enfrenta desafios específicos no combate ao vírus".

"Enquanto fazemos o nosso melhor para importar vacinas, devemos superar obstáculos para garantir que esses imunizantes que salvam vidas sejam entregues sem problemas causados por Pequim", acrescentou.

Até recentemente, Taiwan estava praticamente livre de infecções por covid-19, mas no mês passado os casos dispararam para mais de 10.000 após um surto infeccioso que começou com pilotos de avião.

O país tem lutado para conseguir doses suficientes de vacinas para seus 23 milhões de habitantes, mas acusa a China de bloquear seu acesso, algo que Pequim nega.

O Japão anunciou esta semana a doação para Taiwan de vacinas anticovid da empresa farmacêutica AstraZeneca.

bur-jta/mtp/mas/gma/mr

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos