"Ser preta, favelada e rica no Brasil incomoda", dispara Jojo Todynho sobre carreira

Jojo Todynho no
Jojo Todynho no "Dança dos Famosos" (Globo/João Miguel Júnior)

Jojo Todynho se prepara para um novo projeto musical: a funkeira vai lançar um álbum de samba, intitulado "Jojo como você nunca viu". Recentemente, a artista viu sua carreira decolar em meio a eventos de moda de alta costura e sua participação no "Dança dos Famosos".

Convidada para assistir aos defiles da semana de alta costura em Paris, Jojo afirmou que foi importante romper barreiras e ocupar um espaço normalmente reservado para pessoas brancas. "Tabus são quebrados, porque pretos podem e têm que estar aonde quiserem. Por muito tempo, vivemos acuados e sem oportunidade. Hoje, a gente quer assumir diretoria, ser chefe de banco", afirmou, em entrevista para a "Vogue."

Além de estudar música, Jojo também comentou de seus estudos sobre letramento racial. "Ser preta, favelada e rica no Brasil é um problema, mas sei da importância e da referência que posso ser para outras pessoas. Isso me motivou a começar o curso com o Ricardo Tassilo. É transformador quando deixamos de ser leigos e passamos a aprender. A beleza da vida está nessa evolução", explicou.

Carreira de sucesso

Com 1,48 de altura, muito carisma e espontaneidade, Jojo "Todynho" Maronttinni vem desbravando o mundo. A carioca foi uma das convidadas do desfile da nova coleção de Jean Paul Gaultier, assinado por Olivier Rousteing, diretor criativo da Balmain. A artista assistiu o desfile na primeira fila ao lado de Jean Paul, com a presença de Neymar Jr., Alessandra Ambrosio, Kris Jenner e Kim Kardashian. Rousteing é o primeiro estilista preto da história a assinar uma campanha de Gaultier.

“Foi de uma representatividade, foi um momento assim único. E ele ter valorizado tanto de ter colocado muitos modelos negros. Então mostrou a força que a gente tem, que a gente pode estar em todos os ambientes, em todos os lugares”, disse Jojo ao "Fantástico". Pela segunda vez em Paris, Jojo foi contratada pela marca e fotografou com looks da grife. Ela também foi recebida de braços abertos pelos fãs brasileiros e foi tietada até pelos gringos. Energética e espontânea, a carioca se tornou um fenômeno nacional com pouco mais de cinco anos de carreira e vem conquistando o público por onde passa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos