Sergio Pérez lamenta falta de pilotos sul-americanos na Fórmula 1

·1 min de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 11.11.2018 - O piloto da Red Bull Racing, Sergio Pérez. (Foto: Greg Salibian/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 11.11.2018 - O piloto da Red Bull Racing, Sergio Pérez. (Foto: Greg Salibian/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O piloto da Red Bull Racing, Sergio Pérez, lamentou a falta de pilotos sul-americanos na Fórmula 1. Em entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (11), dias antes do GP de São Paulo, o mexicano ainda falou sobre o que ele precisa para brigar pelo título na próxima temporada e avaliou seu desempenho neste ano.

"Eu acho que é uma combinação de várias coisas. Não é fácil deixar tudo para trás, sua vida, sua infância. No meu continente, por exemplo, demorou um tempo para termos alguns competidores", disse Checo. O piloto mexicano é o único representante latino americano na F-1.

Correndo pela Racing Point na temporada passada, Pérez terminou o campeonato de pilotos na 4ª posição, com 125 pontos. Hoje, com quatro corridas a serem realizadas, ele ocupa a mesma colocação, mas já está com 165. Na opinião dele, o resultado até o momento é fruto do trabalho realizado por ele e sua equipe.

"No meu ponto de vista é muito trabalho, preparação e horas gastas com os engenheiros do time para melhorar a velocidade do carro. Estava um passo atrás no ano passado, mas as coisas estão dando certo nessa temporada. Nessas últimas quatro corridas quero estar no pódio toda semana", afirmou.

Pérez tem 31 anos e só venceu dois GPs na sua carreira: o GP de Sakhir, em 2020, e o GP do Azerbaijão, neste ano. Ele passou pela Sauber, McLaren, Force India e Racing Point antes de integrar a Red Bull Racing.

O grid de largada do GP de São Paulo vai ser definido com uma corrida sprint às 16h30 deste sábado (13). A prova completa acontece no domingo (14), às 14h (de Brasília).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos