Sexta-feira 13: loja oferece desconto para quem tem gato preto

black cat chilling on a gray sofa at home
O objetivo é mostrar que os tutores de gato preto têm a sorte de conviver com os felinos (Getty Image)
  • Marca anuncia uma série de descontos para donos de gato preto

  • A ideia é resinificar a data e ajudar a combater a crueldade animal

  • Estatisticamente, os felinos de pelo escuro são menos adotados

A sexta-feira 13 carrega mistério e misticismo. Apesar das crenças e das brincadeiras, a data também é lembrada como um momento de proteger os gatinhos com pelos escuros de pessoas mal-intencionadas. Isso porque existe uma crença de que o animal traz má sorte.

Para resinificar o momento e ajudar a combater a crueldade contra os animais, a Petlove lançou uma campanha que homenageia os felinos, a Black Cat Friday.

Os tutores que têm a sorte de ter um gato preto conseguirão até 50% de desconto em produtos selecionados e 100% de desconto na primeira mensalidade do plano de saúde. No catálogo da marca, estão disponíveis rações, petiscos, medicamentos, produtos de higiene e limpeza, brinquedos e acessórios.

“A Petlove tem como propósito transformar o mundo em um lugar onde todos os pets possam ser mais felizes e saudáveis. A campanha Black Cat Friday é uma resposta à conotação negativa que os gatos pretos sofrem principalmente em datas ligadas ao mau agouro, como a sexta-feira 13", explicou Filipe Botton, Head de Marca e Comunicação da Petlove.

Ele ainda ressaltou que essa deve ser uma campanha contínua. "Vamos transformar o azar em sorte para os pets e seus tutores com essa Black Friday exclusiva que não acaba por aqui. A ação acontecerá sempre que houver uma sexta-feira 13, desmistificando de vez os bichanos e a data”, afirmou.

Gatos pretos são menos adotados

Dados da ONG brasileira Catland, especializada no resgate e adoção de gatos, cerca de 60% dos animais que estão à espera de um lar têm o pelo na cor escura e de acordo com a ONG britânica Cats Protection apontam que gatos pretos 13% a mais de tempo para serem adotados.

De acordo com o levantamento, apenas 11% de todos os felinos adotados na ONG eram pretos.

Em caso de suspeita de maus tratos, denuncie

O artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais (nº 9.605/98) considera crime as práticas de abuso, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos, nativos ou exóticos.

  • Você pode ir até a delegacia de polícia mais próxima para efetuar a denúncia pessoalmente;

  • As denúncias também podem ser feitas de forma anônima, através do Disque-denúncia Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal (Demapa). O número é 181.

  • Também é possível denunciar pela internet, no www.delegaciavirtual.pa.gov.br

  • As denúncias abrangem quaisquer suspeitas de maus tratos contra animais, sejam cachorros, gatos, pássaros, cavalos etc.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos