Shantal defende Mateus Verdelho sobre acusação de negligência em parto

·3 min de leitura
Shantal e Mateus Verdelho enfrentam pressão dos fãs após revelação de violência obstétrica durante o parto de Domenica

Resumo da Notícia:

  • Shantal defendeu Mateus Verdelho nas redes sociais

  • O modelo foi acusado por seguidores de não defender a influenciadora durante o parto de Domenica

  • Ele se afastou das redes sociais e tem feito terapia para lidar com a situação

Shantal Verdelho usou as redes sociais para defender o marido, Mateus Verdelho, sobre as acusações de que ele teria sido negligente durante o parto da filha caçula do casal, Domenica, em setembro deste ano, e por essa razão a influenciadora teria sido vítima de violência obstétrica.

Os questionamentos em torno do comportamento do modelo durante o nascimento de sua filha começaram a surgir desde que Shantal teve áudios vazados em redes sociais, relatando uma sequência de abusos que teria sofrido do médico Renato Kalil.

Alguns seguidores não entenderam o fato de Mateus ter presenciado todo o parto e não ter tomado nenhuma atitude diante da agressividade do obstetra. Mas Shantal o defendeu e disse que até hoje o marido faz terapia para lidar com a situação.

"Parem de cobrar isso do Mateus. Ele estava em situação de vulnerabilidade tanto quanto eu. A vida e a saúde da esposa e da filha dele estavam nas mãos do médico. Ele ia fazer o que? Brigar? (...) Brigar para a culpa cair toda nele e dizerem que ele que tumultuou a sala de parto? Ele é vítima igual a mim. Ele está fazendo terapia por conta disso tudo, está muito abalado. Ele nem aparece mais no Instagram, que é ferramenta do trabalho e do seu sustento", escreveu ela em um post nos Stories.

A influenciadora digital ainda falou da culpa que o modelo carrega por hoje estar consciente de tudo o que aconteceu durante o parto. Mas no dia, ele simplesmente ficou ao lado de Shantal para suportar aquele momento. 

"Não está fácil para ele ficar imaginando que ele poderia ter feito mil coisas ali na hora. Acontece que nesses momentos existe uma hierarquia e quando estão lidando com a vida de quem você ama, você simplesmente fica refém de qualquer comportamento da outra pessoa. Eu acho que ele teve a melhor atitude, nós ficamos na nossa bolha. Eu só olhava para ele e ele só olhava para mim. Parecia que estávamos protegidos em uma cúpula divina mesmo", disse ela.

Violência obstétrica

O escândalo em torno da vida do casal Verdelho começou em 10 de dezembro, quando áudios e vídeos da influencer vazaram em redes sociais. 

No material, é possível ver e ouvir o médico Renato Kalil gritando e soltando palavrões, e ordenando que Shantal fizesse uma força além do normal para conseguir dar à luz Domenica.

Fora isso, ela revelou em entrevistas que o médico teria falado de suas partes íntimas para outras pessoas, chamando-a de "arregaçada". A influenciadora decidiu processar Kalil por violência obstétrica e também por quebra do sigilo médico, já que ele havia revelado o sexo da bebê em suas redes sociais sem seu consentimento.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos