Estrangulamento, raio e derrame: como Sharon Stone driblou a morte três vezes

Giselle de Almeida
·2 minuto de leitura
A atriz Sharon Stone. Foto: reprodução/Instagram/sharonstone
A atriz Sharon Stone. Foto: reprodução/Instagram/sharonstone

Sharon Stone é uma sobrevivente. Aos 62 anos, a atriz de sucessos hollywoodianos como “Instinto Selvagem” lembrou em entrevista três vezes em que driblou a morte: a loura escapou de ser estrangulada em um acidente, resistiu a um raio e se recuperou de um derrame. Ela se diz sortuda por estar viva.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter

“Eu tive meu pescoço cortado a um milímetro da minha veia jugular quando eu tinha 14 anos, [quase] estrangulada por um varal. Fui atingida por um raio e, nossa, foi muito intenso”, contou a intérprete ao jornal “The Sun”.

Leia também:

O raio atingiu o poço da casa onde ela vivia com a família, e a água conduziu a carga elétrica. “Fui jogada pela cozinha e bati na geladeira. Minha mãe estava lá, me deu um tapa no rosto e me trouxe de volta”, recordou. “É tipo, ‘Como vou morrer na próxima vez?’. Provavelmente algo super dramático e maluco.”

Em 2001, Sharon ficou hospitalizada com uma hemorragia por nove dias após sofrer um derrame. Segundo os médicos, ela tinha apenas 1% de chance de sobreviver. “Parecia que eu tinha levado um tiro na cabeça”, contou.

Levada às pressas ao hospital, a atriz passou por uma cirurgia de sete horas. A estrela levou um bom tempo para se recuperar fisicamente, mas também lidar com as consequências do hiato em sua carreira e nas finanças.

Em breve, Sharon poderá ser vista na série “Ratched”, da Netflix. Prevista para estrear em setembro, a produção é baseada no filme “Um estranho no Ninho”.